quinta-feira, 6 de agosto de 2009

FRÁGEIS RELAÇÕES HUMANAS

O ser humano é mesmo muito estranho. É capaz de criar situações lindas, mágicas e emocionantes. Mas é também muito hábil em tornar momentos especiais em um verdadeiro barraco em público.
Fui até o shopping e vi duas cenas hilárias e ao mesmo tempo muito tristes. Antes de contar a primeira, que merece uma análise mais aprofundada, vou falar da segunda cena, que é mais corriqueira em locais públicos.
Um casal de namorados discute no meio do shopping. A menina está chorando, a cara toda inchada e vermelha. O rapaz tenta abraçar, beijar, fazer carinho... mas nada. Ela não deixava ele chegar perto, não queria papo. Ele deve ter feito algo de muito ruim, assim eles foram indo até chegar na saída. Ele ficou irritado e largou a moça para trás, saiu pisando forte e sumiu na direção do estacionamento. Fico triste quando vejo essas coisas.
A outra situação foi pior, mais grave (aparentemente). Primeiro passou por um um rapaz correndo, com sacolas na mão, cara de desespero e medo. Corria olhando para trás, como se fugisse de alguma coisa. Todos olhavam assustados, um cena assim pode ser assalto ou qualquer outra maluquice.
Poucos minutos depois aparece um casal. A moça segurava a mochila do namorado ou marido e estava acompanhada de uma amiga. O rapaz estava transtornado e gritava com ela, disse que não poderia imaginar e resmungava outras coisas incompreensiveis.
Ela não falava nada, apenas fazia cara de envergonhada e olhava constantemente para a amiga. Foi então que descobri que a história do rapaz correndo tinha a ver com a discussão dos casal. O maratonista de shopping era amante da moça. O namorado chegou e flagrou os dois fazendo compras juntos.
Fiquei triste novamente! Como as relações humanas andam fracas, baseadas em mentiras, em sentimentos escondidos... Eu não consigo entender a traição, por mais que tentem me explicar, por mais que tentem argumentar eu ainda acho que é uma puta sacanagem. A verdade pode doer no começo, mas ela é tão mais simples de aceitar. Muito mais fácil do que ter que digerir uma cena patética e humilhante como essa no shopping. Todos perdem.

7 Comentários:

Camila disse...

Ai ai Antena e tem gente que ainda diz que é fácil viver né? Adorei o texto, como sempre bem escrito! Bjos

Alexandre Forato disse...

são situações confusas. mas a pior de todas é a traição como você mesmo falou. o que leva a isso? eu também não sei. não entendo.

Danny disse...

huuuuuuuuum

traição é querer arrancar o coração a força, neh

acho q você 'falou e disse"!! "A verdade pode doer no começo, mas ela é tão mais simples de aceitar."

Dri Viaro disse...

Bom dia, que vc tenha um fim de semana delicioso.
bjsss

todoyda disse...

E voce ainda não viu nada. Se pudesse ver os brasileiros que moram por aqui em New Jersey, ia ter vontade de se esconde em uma montanha.
bjks

Deia Loka disse...

É triste, mas não deixa de ser engraçado, amante bem corajoso... Corre e larga a bomba pra coitada, alias, safada... Bom esta fica sem os dois, mesmo pq se ela quiser o amante ai é zuada mesmo!

Ana Magal disse...

Eu sabia que isso ia virar post...
Eu te disse, eu te disse, eu te disse...


Hahaha... Nem comento sobre trair e ser traído. Dói e é, às vezes, merecido. Já estive em ambas as situações. Como falam, e é verdade, quem tá de fora nunca conseguirá entender o que rola dentro.

Beijos!!!

Amei o post!

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante e será liberado após moderação do autor deste blog.

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO