quinta-feira, 3 de setembro de 2009

LIXO TECNOLÓGICO

O texto anterior falei sobre os 40 anos da internet e os aspectos de comunicação e relacionamento que ela proporciona. Hoje, na aula de Cibercultura e comunicação em rede na pós-graduação, falavamos sobre as redes e os avançoes tecnológicos e então caimos no assunto lixo.
A discução cresceu em volta deste tema que é muito delicado e complexo. A quantidade de lixo que produzimos diariamente é enorme. Lixo comum, deste que nem percebemos que geramos. O papel de bala, a sacola de plastico do supermercado, os restos de alimento e assim por diante... não notamos mais a quantidade de dejetos que produzimos. Isso é um problema terrível, mas com o avanço da tecnologia estamos incluindo nesta lista materiais de decomposição muito lenta e ainda capazes de contaminar a natureza. Falamos agora de baterias e pilhas.
Não há uma cultura sobre o que fazer com esse lixo. Pouco se informa sobre os malefícios que eles podem causar e o que devemos fazer com esses restos tecnológicos. O número de computadores, laptops, celulares, controles e objetos que utilizam baterias e pilhas cresce muito.
Não há mais espaço para o lixo comum e não há como deixar que esse lixo tecnológico vá para os aterros comuns. O lixo é um grande problema que precisa ser discutido. A reciclagem é um caminho, mas não basta.
Eu já passei por uma experiência que me deixou muito alerta com essa questão. Gravei uma reportagem há alguns anos sobre reciclagem. Fui até uma empresa que faz reciclagem de óleo de cozinha e transforma em sabão. Tive a oportunidade de ver um caminhão despejando o óleo de uma cadeia de fasta food. Juro que aquilo foi uma das coisas mais nojentas que vi na minha vida, de embrulhar o estômago.
Mas o assunto aqui é o lixo tecnológico e ele pode trazer problemas sérios de contaminação. Por isso é bom ficar sempre atento aos locais (que são pouco) que arrecadam esses restos.

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante e será liberado após moderação do autor deste blog.

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO