terça-feira, 13 de julho de 2010

O MUNDO CÃO

Eu bem que adiei o assunto, mas era inevitável falar sobre o caso da morte da Elisa Samudio. Desde quando começaram a surgir as primeiras notícias o caso demonstrava ser algo que iria chocar as pessoas.
Uma mistura explosiva e que desta vez causou um grande estardalhaço. Uma moça bonita com a vontade de se tornar famosa e bem sucedida financeiramente, um jogador rico e sem preparo psicológico, péssimas influências tanto na família quanto de amigos. Tudo isso junto resultou em um crime bárbaro, com requintes de crueldade e atitudes de psicopatas.
Não estou aqui para julgar ninguem, nem a moça, nem o jogador e nem quem está envolvido. Mas tudo está errado. A moça sabia que estava pisando em um terreno perigoso, o jogador tinha uma carreira promissora e preferiu seguir o caminho mais tortuoso, os familiares (a maioria com antecedentes no mínimo estranhos) estão agindo e os amigos envolvidos colocaram em prática toda crueldade possível.
A cada dia os jornais trazem detalhes ainda mais tristes e terríveis. Ainda não encontraram o corpo da Elisa e pelo que tudo indica não vão encontrar mesmo. Segundo o adolescente que fez a denúncia o corpo da moça foi esquartejado e pelo menos a mão jogada para que os cães comessem.
Fico pensando qual é o fundo do poço. A cada dia que passa, quando achamos que nada mais vai surpreender a gente, aparece um fato que nos faz perder o senso de realidade. Qual será a próxima notícia?

1 Comentário:

Bia disse...

Tudo errado mesmo, desde o início, mas é difícil pra mim, como mulher, condenar a moça em questão. Paixão é uma coisa que cega a gente mesmo e faz acreditarmos em ilusões. Acho que, no fundo, ela acreditava no possível amor do Bruno. Coitada!
Bjs

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante e será liberado após moderação do autor deste blog.

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO