sexta-feira, 15 de outubro de 2010

AMOR ANALGÉSICO

O amor sem dúvida é um sentimento mágico, que faz incontáveis coisas com a gente e na maioria das vezes nem percebemos. Amar nos deixa em outra sintonia, nos coloca num astral superior e isso nos condiciona a realizar mais e melhor, seja pessoalmente ou profissionalmente.
Muita gente diz que o amor nos deixa um tanto quanto anestesiados. Agora isso foi comprovado cientificamente, amar cria uma certa resistência as dores. Claro que se eu quebrar a perna na lua de mel indo pra cama com a Anne Hathaway vai doer pra caramba e não há paixão e amor que vá fazer isso doer menos. Aliás, nesse caso acho que até iria doer mais pela circunstância.
Mas nem precisava de pesquisa pra se chegar a essa conclusão. O amor é o principal remédio para, principalmente, as dores da alma (nossa que auto ajuda isso). Se você quiser aliviar a dor física tem mesmo que ter aquele amor ardente, apaixonado, aquela coisa assim como eu e a Anne Hathaway na lua de mel antes da perna quebrar.
Agora falando sério, o nosso cérebro é incrível e cheio de labirintos, que são arduamente descobertos e que vão nos desvendando lentamente esses misterios. Basicamente os cientistas da Universidade de Stanford na Califórnia, descobriram que ao ver a imagem da pessoa amada, as pessoas pesquisadas tinham uma percepção muito reduzida do estímulo de dor.
Bom saber, vale sempre exercitar o amor de todas as formas e claro que uma boa paixão sempre faz bem. No momento preciso ficar atento para não me machucar, porque esse analgésico está em falta na minha prateleira.

3 Comentários:

Ana Magal disse...

é meu amigo... o amor faz maravilhas...

eu tb andava com medo de me machucar porque não tinha desse remédio para me curar... Mas confesso que estou começando a dar novos rumos aos meus pensamentos e quem sabe as coisas mudem de figura haha... estão caminhando... só não sei ainda para onde haha

Victinho disse...

Caro amigo
se o amor fosse compartilhado por toda humanidade, a maioria de nossos problemas se acabariam.
Excelente post,
abraços,
Vitor.

Ana Beatriz Camargo disse...

Ah, é claro que eu sei do você está falando. Eu e George temos um lance parecido. George Clooney, claro!

Bjs, Antena!

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante e será liberado após moderação do autor deste blog.

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO