sábado, 11 de agosto de 2012

A FLOR E O ARAME FARPADO

As vezes as flores estão em evidência...
Nem tudo são flores. Lembrei dessa frase enquanto fazia uma gravação hoje cedo na USP. Lá no Centro de Práticas Esportivas tem muita área verde bem grande e numa das cercas do local uma floreira teimava em driblar o alambrado e crescer. 
Bem no topo ela se encontra com o arame farpado enferrujado e com aquela cara de poucos amigos. A flor bela, rosa, cheia de detalhes delicados parece tentar se esquivar com delicadeza e cuidado das pontas ríspidas do arame.
Apesar das diferenças e ambiguidades eles convivem harmoniosamente. Cada um parece respeitar e entender o espaço e características do outro. Claro que preferiam não estar juntos, mas já que estão ali um ajuda ao outro. 
O alambrado serve de suporte e apoio para a floreira continuar crescendo e dando belas flores e o arame farpado aproveita para se esconder no meio de tanta beleza e enganar aqueles que tentam por ali passar. 
Como disse no começo, nem tudo nessa vida são flores. Temos que aprender e saber nos aproveitar de todas as situações, mesmo que elas nos pareçam feias, enferrujadas e pontiagudas. Assim podemos usar esses arames para nos apoiar e continuar crescendo. Eis algumas das fotos da floreira que vi hoje.

Em outras o arame parece ser mais forte...

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante e será liberado após moderação do autor deste blog.

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO