domingo, 21 de outubro de 2012

OS 30 ANOS

Trinta. Quando falamos parece algo que assusta. Trinta anos... É uma idade meio estranha essa que chego hoje. Quando converso com algumas pessoas mais velhas e falo que estou chegando aos trinta elas dizem: nossa, é novo ainda, que beleza. 
Em contra partida, perto de outro grupo de pessoas quando falo estou chegando nos trinta elas arregalam os olhos e dizem: nossa, trinta anos, que tiozinho já. 
É bem uma idade intermediaria entre o velho e o novo. Bem no meio do túnel entre a experiência e o muito a percorrer. Mas uma idade que faz refletir sobre muitas coisas.
Nos últimos meses tenho repensado muito sobre algumas coisas. Vontade de dar saltos maiores do que tenho dado, vontade de solidificar certas coisas. Parece que um sinal amarelo acendeu dizendo: vamos agora deixar de brincadeira e partir pra coisa séria?
Enfim, isso em vários sentidos. To querendo coisas mais sérias, as vezes cansa ficar batendo em algumas teclas. 
No grosso modo esse ano não foi dos melhores. Mesmo assim consegui colocar em prática muitas vontades que tinha, realizei alguns sonhos, tive momentos de completo surrealismo e em outros grandes choques de realidade.
A vida é assim, nem tudo é tão ruim que não possa melhorar e nem tudo é tão bom que algo não possa te chatear. E vamos levando. 
Como gosto de números e coisas do tipo prefiro meus anos pares, eles sempre são melhores. Entro em um agora. Vamos ver o que ele me reserva. Trinta já se foram!!

1 Comentário:

Milla Linhares disse...

Bom, na minha opinião vc já é tiozão hahahahahahaha =D

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante e será liberado após moderação do autor deste blog.

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO