sexta-feira, 30 de março de 2012

A TENTAÇÃO DA CARNE

Rotineiramente somos colocados diante de diversas tentações. Cada um tem o seu ponto fraco, ou vários, e que sofre para resistir, evitar e não cometer tais sacrilégios diante daquilo que tanto desejamos e nem sempre podemos ter.
As tentações são interessantes porque elas ajudam a testar nossos limites e o quanto resistimos a certas situações. Pense numa pessoa que não pode comer seu alimento preferido? Carne, por exemplo, é leve ela numa churrascaria. Ver aqueles pedaços suculentos passarem diante do rosto e não poder provar é quase um crime. Alguns resistem, sofrem, tem reações das mais distintas, porém não provam, não colocam um pedacinho na boca.
Outras já são mais fracas e pulam e acabam comendo até o braço do garçom. Não dá pra condenar uma pessoa que é colocada diante de uma prova tão cruel. Muitas vezes não resistir também é interessante, se ficarmos sempre na margem de cá do rio nunca saberemos o que existe do outro lado, mas cada caso é um caso.
Sabe aquele diabinho e anjinho, cada um de um lado dizendo, vai, fica, come, não come, pula, não pula... As vezes dá vontade de espantar eles e ver no que dá... E a cada dia uma nova tentação aparece. Preciso urgentemente ir a uma churrascaria!!!

quarta-feira, 28 de março de 2012

LOOKS HAIR BRASIL 2012

Eu disse no post anterior que assim que tivesse fotos melhores ou vídeos atualizaria o post com essas novas informações. Mas resolvi escrever outro post. Este aqui.
Nesta terça-feira voltei na Hair Brasil 2012 com a missão de localizar os penteados, looks, belezas mais marcantes para mostrar aqui. Deu certo, foi uma tarde muito produtiva e cheia de coisas bacanas.
Não fiz vídeos, já que estou com um equipamento originariamente para fazer fotos investi nas fotografias e montei um slideshow com os principais cliques. Ficou legal.
PS - Esse recado é para as modelos com quem conversei e querem as fotos. Não disponibilizei as fotos diretamente aqui, portanto não será impossível puxar, mas me mandem um e-mail dizendo quem é que eu envio as respectivas fotos.
Segue o vídeo...

terça-feira, 27 de março de 2012

A TRANÇA DO REI CARECA

Nunca tive problemas com os meus cabelos, ou falta deles... Aliás, tive. Eles, quando crescem, sim eles crescem e cobrem a parte mais rala do "gramado", são péssimos para pentear. Não há penteado que pegue. Por isso mesmo, há muitos anos não esquento mais a cabeça com isso, raspo com máquina 2. 
Não há nada mais agradável do que poder levantar e olhar no espelho e encontrar centenas de problemas, menos um: cabelo despenteado, revolto e teimoso. Depois que comecei a trabalhar em TV até deixei de raspar um pouco porque careca é terrível para iluminar, brilha no estúdio, dá reflexo, é um saco. 
Mas sempre tem um momento que largamos mão e voltei a raspar, gostei do resultado no vídeo e me senti mais tranquilo quanto ao meu visual. Portanto cresceu um pouco lá vou eu passar a máquina e acabar com tudo. 
Estou fazendo essa introdução toda pra dizer que o careca aqui foi cobrir um evento sobre cabelos. A Hair Brasil 2012 acaba hoje e fez a alegria principalmente de mulheres e cabeleireiros. Para cada lado que você olhava era um penteado maluco, uma mulher produzida, uma chapinha ativa, um secador barulhento...
Minha missão nesta segunda-feira não era exatamente cobrir a feira, estava com outra pauta para produzir, mas nesta terça pretendo passar novamente lá e fazer algumas fotos decentes e vídeos para uma videorreportagem. Não prometo, mas tentarei. Caso consiga atualizo o post com o vídeo.  Por enquanto algumas fotos improvisadas entre uma gravação e outra na segunda.

ATUALIZAÇÃO: As principais fotos estão no post a seguir, clique aqui




segunda-feira, 26 de março de 2012

CAPOFISIO - CAPOEIRA E FISIOTERAPIA

Desde que comecei minha carreira há mais de 12 anos sempre assuntos relacionados à saúde fizeram parte das pautas das minhas reportagens. Falar sobre alguns assuntos nem sempre é fácil, mesmo porque em muitos casos estamos lidando com pessoas que sofrem algum problema, pessoas fragilizadas e que nem sempre estão dispostas a das a cara a tapa.
Recentemente tenho feito algumas parcerias na produção de conteúdo audiovisual para algumas empresas, entre elas hospitais e clínicas. Isso me aproximou fortemente dessa área de uma forma bem interessante. Desta forma conheço a cada dia uma novidade, uma ação interessante e é sempre bom poder compartilhar.
No vídeo abaixo, o primeiro videocast da Clínica Fluyr Saudável, você conhece a CAPOFISIO que é a utilização da capoeira auxiliando a fisioterapia nos tratamentos diversos. É muito interessante e uma ótima dica para todas as idades.

domingo, 25 de março de 2012

DIVERTIMENTOS

Não se vive só de trabalho. O dia a dia tem que ter outros recheios, outras tonalidades e contornos para que o nosso cotidiano não seja tão massante e monótono. Existem várias coisas e depende de cada pessoa achar atividades que supram essa necessidade de refresco mental.
Sair com os amigos, encontrar pessoas bacanas, praticar um esporte, comer fora, jogar vídeo game, ouvir música... enfim a lista é interminável e varia de pessoa para pessoa. Isso sem contar os relacionamentos amorosos que também ajudam a colorir mais a vida. 
Minha rotina é muito maluca, com horários diversificados, dias mais tranquilos outros turbulentos e corridos. Já me acostumei com isso, mesmo assim, no final de algumas semanas o esgotamento mental (mais do que físico) acende a luz vermelha. Nada melhor do que jogar um balde de água fria na caldeira que está fervendo e voltar a temperatura ideal.
Nesta sexta-feira, depois de um dia agradável encontrando uma amiga, depois participando do debate na Rádio Tupi, aproveitamos que era o aniversário do meu cunhado e fomos nos divertir na madrugada de São Paulo. 
Coisas simples, mas que fazem uma diferença enorme. Primeiro paramos no boliche e por duas horas ficamos lá descontando a raiva nos indefesos pinos. Uma boa pizza, batata frita e cerveja ajudaram nessa jornada. De lá partimos para um bilhar, fazia muito tempo que não jogava e nos divertimos bastante. 
Por fim passamos no famosos Estadão para comer o também famoso sanduíche de pernil. São Paulo é uma cidade incrível, ela é responsável por nos estressar (veja post recente) e ela também nos dá as ferramentas para desestressar. E assim vamos levando. 




sexta-feira, 23 de março de 2012

A MORTE DE CHICO ANYSIO

Era uma noite de gala em 2009, uma inauguração importante para a noite paulistana e a imprensa toda estava eufórica com a fila de celebridades que apontava na ponta do tapete vermelho. Uma modelo famosa chegou e todos correram para conversar com ela. 
Fiz minhas imagens e quando dava a volta pra tentar um ponto melhor para conseguir me infiltrar entre tantas câmeras e microfones vejo um senhor de cabelos brancos, andando com dificuldade tendo a ajuda da mulher. 
Era Chico Anysio passando quase sem ninguém perceber pela fila de jornalistas. Olhei para a modelo, olhei para o Chico e não tive dúvidas para quem eu pediria uma entrevista. Como não entrevistar aquele ícone do humor, pai de mais de 200 personagens e muitos deles tão gravados na minha memória. 
Me aproximei um pouco sem graça e ele me olhou, fez um aceno com a cabeça. Estendi a mão e ele prontamente me estendeu a mão. A esposa dele sorriu e então perguntei se havia algum problema ele dar uma entrevista para uma emissora concorrente. 
Ele em tom muito humorado disse: "a Globo nem sabe que eu estou vivo". Liguei meu equipamento e fiz a entrevista. Ele falou sobre a saúde, criticou a Globo, falou um pouco sobre o humor. Quando iria fazer minha próxima pergunta a chuva de jornalistas praticamente me engoliu. A modelo tinha ido para a festa e Chico estava ali "disponível". 
Ele não conseguiu ouvir minha pergunta seguinte e foi logo abraçado por um desses repórteres que querem aparecer mais do que a própria notícia. Ele até se assustou, olhou para mim e fez um aceno com a cabeça. A esposa dele também sorriu e então deixei aquele amontoado de profissionais.
Foram poucos minutos que tive a oportunidade de conversar com esse gênio do humor. Palmas para o grande Chico Anysio que nos deixou hoje. 

quinta-feira, 22 de março de 2012

BRITADEIRA NA MADRUGADA

Há alguns dias equipes da Comgás estão na minha rua fazendo reparos na rede de tubulação ou sei lá o que, na verdade nem me interessa muito. O trânsito ficou modificado já que as máquinas, carros e buracos são na rua mesmo. 
Faixas foram reduzidas, desvios foram feitos e o transtorno nem foi tão grande assim, já que o movimento aqui é intenso porém nada anormal. O problema é que durante o dia as máquinas não funcionam, poucos operários ficam na obra. Mas a noite...
A noite é uma criança para eles. Muita gente na rua, falatório, gente cantando, máquinas trabalhando e esta noite e temida britadeira rolou solta. Olhando pela janela até parece uma quermesse de tanta gente e tanta animação. O problema é que isso tudo acontece depois da meia-noite e vai madrugada a dentro.
Esta madrugada foi um inferno. Era muito barulho, um caos instalado na porta do prédio 3 horas da manhã. Um dos vizinhos não resistiu, saiu na janela e gritou, falou um monte de abobrinhas e os caras pararam. 
O vizinho gritava: "existe o tal de psiu, que serve pra casa noturna, bares, festas e o diabo, mas a prefeitura também tem que obedecer essa lei". Um dos responsáveis pela obra respondia: "essa obra só pode ser feita nesse horário porque não podemos interromper o trânsito".
Nessa hora pulei da cama e já sem sono fiquei vendo o desenvolver da coisa e pensei. A obra já está interferindo no tráfego pelo menos uns 5 dias, durante toda manhã e tarde os buracos e carros continuam aqui, só o barulho que não. 
Sinceramente, concordo que algumas obras não possam ser feitas no horário comercial, mas ligar uma britadeira três da manhã é muita sacanagem. Tem que ver direito isso aí. 
E hoje, um dia cheio e com muitas gravações saio com um zumbido na cabeça, com uma noite péssima de sono e com o corpo cansado.

quarta-feira, 21 de março de 2012

OS DIAMANTES SÃO ETERNOS?

Não, os diamantes não são eternos. Como qualquer outra coisa nesse planeta, incluindo o próprio, essa pedra preciosa não dura para a eternidade, mas é forte o suficiente para durar muito, mas muito tempo, bem mais do que possamos vivenciar. 
O que impressiona nessa pedra originária do carbono é a sua dureza, além da beleza. Ele não pode ser riscado por qualquer outro mineral ou substância, só por outro diamante. 
Eu tenho diamantes. Alguns deles foram extraídos direto da natureza e não estão lapidados. Tem o seu enorme valor, mas como qualquer pedra tem irregularidades, estão brutos e vamos aos poucos aprendendo como deixá-los mais bonitos. 
Outros diamantes fui adquirindo com o passar do tempo. Você escava aqui e descobre um, você visita tal lugar e descobre outro. Nem sempre usamos os artifícios próprios para descobrir sua autenticidade. Em grande parte das vezes eles são falsos, não passam de cópias, de réplicas bem feitas para nos enganar, mas que no primeiro impacto quebram em muitos pedaços.
Mas quando o diamante é verdadeiro a gente percebe na hora, sabe quando você pega a pedra e instintivamente já sabe que ela é especial, brilha muito, é linda e certamente vai te acompanhar por praticamente toda a vida. Desses diamantes tenho pouquíssimos.
Claro que existem outras pedras preciosas na caixa de jóias, tem Rubi, tem Safira, tem Esmeraldas, mas nenhuma se compara ao diamante, por isso acabamos dando mais destaque para ele. 
Os diamantes não são eternos, mas os verdadeiros que eu descobri espero carregar comigo por muitos e muitos anos.

terça-feira, 20 de março de 2012

PLAYCENTER FECHA EM JULHO

Eu sei que esse fim era mais do que previsto. Fazia muito tempo que o Playcenter não era mais o mesmo. O parque desandou principalmente nos últimos anos, perdeu público, virou bagunça, já não era mais um lugar interessante para se frequentar com amigos e família para se divertir e pegar longas filas. 
Sim filas... quem nunca ficou horas e mais horas esperando para ficar menos de 1 minuto na montanha-russa. mesmo assim eu gostava do Playcenter, eu gostava de quando ia (fica bem perto de casa) minha mãe ficava horas e mais horas falando que o brinquedo podia quebrar, a gente podia cair, alguma catástrofe estava prestes a acontecer. Isso dava ainda mais adrenalina.
Bom, alguns acidentes aconteceram, mais do que devem ter divulgado, mas aconteceram e isso sempre assunta. A verdade é que o parque foi ficando cada vez mais abandonado. Brinquedos em constante manutenção, visual feio e sem graça, funcionários ou bobos demais ou sem a menor vontade.
O Playcenter tinha que acabar mesmo. Era um moribundo local de alegria definhando na beira da Marginal. Quando era menor adorava quando meus pais passavam na frente de carro... Agora ele está lá, nem barulho faz mais. A data do enterro foi anunciada, vão desligar os aparelhos do enfermo em julho. 
A boa notícia é de que haverá uma grande reformulação e um novo projeto será implantado em um ano. Espero mesmo. Gosto de parques de diversão e São Paulo precisa de mais atrações como esta. 


segunda-feira, 19 de março de 2012

A VOLTA DA FÓRMULA 1

Antes de qualquer coisa: suspiros saudosos pelas paddock girls. Para quem acompanha o blog a mais tempo, ou pelo menos desde o ano passado, sabe que os posts que escrevia sobre fórmula 1 eram mascarados com as fotos das belas garotas do grid. 
Ainda não pensei como fazer isso esse ano, tudo foi tão corrido nesse final de semana que o detalhe acabou passando. Será que volto com elas? Ok. Pensarei direito até o próximo final de semana quando ocorre o GP da Malásia. 
Serei breve, até porque a corrida foi na madrugada de sábado e não escrevi ontem. Uma volta promissora para quem gosta de boas disputas, acho que teremos um ano mais embolado nas primeiras posições com equipes mostrando desempenhos bem fortes como Mercedes, Lotus e Sauber. Creio que McLaren e RedBull briguem pelo título. 
A Ferrari merece um parágrafo a parte. Decepção na pré-temporada, vexame nos treinos livres, desespero na classificação e um ligeiro alivio por contar com um piloto fora do comum como Alonso. E o Massa.. próximo parágrafo...
Massa divide esse parágrafo com Bruno Senna, assim como eles fizeram em uma curva em Melbourne. Os dois bateram e viram seus companheiros se destacarem. Precisam fazer muito mais do que fizeram se nós quisermos ter brasileiros em 2013 na categoria. 
Button venceu e acho que leva o título esse ano, Vettel conseguiu um bom segundo lugar, Hamilton saiu fervendo por não ter conseguido ficar a frente do companheiro e fechou em terceiro. Webber correu? As Force India correram? 
Destaque para Maldonado que vinha bem com a Willians em sexto e enfiou o carro no muro na última volta, destaque também para Raikkonen que pontuou e para os dois carros da Marrusia que foram montados na sexta-feira, não fizeram nenhum treino na pré-temporada e mesmo assim conseguiram se classificar para a prova e terminar a corrida sem problemas. 

Não resisti. Uma foto das lindas Paddock Girls da Austrália.

domingo, 18 de março de 2012

MINHA PRIMEIRA DSLR

O título do post é sim uma alusão ao bordão criado na década de 80 do "meu primeiro gradiente".  Sim, estou parecendo uma criança que acaba de ganhar algo muito desejado, só que no caso não ganhei, comprei mesmo, o que dá um gosto interessante também.
Bom, vamos lá para um histórico da minha paixão por equipamentos até chegarmos ao dia de hoje. Sempre fui apaixonado por tecnologia, por equipamentos, por máquinas ligadas ao exercício da minha profissão. Quando comecei efetivamente a trabalhar com televisão nunca deixei de fuçar, perguntar, querer entender como funcionavam todos aqueles botões, luzes, traquitanas que faziam essa fábrica de sonhos funcionar. 
Isso foi bom porque aprendi a utilizar esses equipamentos. Quando você domina a técnica fica muito mais difícil de ser passado para trás, de ser enganado ou de ficar refém de coisas que não entende. Fui ver que isso era verdade anos depois do meu início na TV quando estava fazendo um freela e o cinegrafista estava com preguiça, não queria fazer algo que pedi e veio colocar a culpa no equipamento. Prontamente mostrei que sabia como a máquina funcionava, o que ela conseguia e não conseguia fazer. Obviamente ele não gostou muito.
Esse conhecimento me ajudou quando me deparei com a videorreportagem. Foi uma coisa muito natural operar o equipamento e ao mesmo tempo fazer as entrevistas, apurar os fatos e tal. Claro que tive que passar por algumas adaptações, mas não houve um choque, um trauma ou um sofrimento. Simplesmente fui e comecei a fazer. 
Nos últimos anos a evolução dos equipamentos tem sido absurda. Coisas inteligentes, práticas e que misturam estilos aparecem a todo instante e nos fazem pirar em busca do equipamento ideal para produzirmos nossos conteúdos. Cada caso é um caso, cada profissional é um profissional e cada conteúdo é um conteúdo. As câmeras DSLR de uns tempos pra cá viraram as queridinhas dos produtores audiovisuais pela qualidade que ela oferece, pela textura, pelas opções interessantes, mesmo para quem produz vídeos, já que elas são câmeras fotográficas. 
Há um bom tempo estava na tentação. Na minha monografia realizada para a pós-graduação escrevo sobre a utilização dessas câmeras. Depois que tive contato com alguns modelos, com profissionais como a Carol Thomé, a tentação passou a virar uma obrigatoriedade. Agora virou realidade. Não comprei os modelos mais tops e tal (até porque são muuuiiiiiiito caros) mas comprei uma que vai me proporcionar dar os primeiros passos, aprender a utilizar e conhecer esse mundo das DSLRs. Espero com isso melhorar ainda mais a qualidade do trabalho que realizo.

sexta-feira, 16 de março de 2012

NOVO PARCEIRO

Produzir conteúdo audiovisual é uma das necessidades de empresas das mais diversas áreas para o compartilhamento de conteúdo e também para que o produto, serviço ou ideia apareça. O Brasil é um dos principais consumidores de vídeos online no mundo.
Nesse fluxo contínuo de informação as parcerias são fundamentais para que diversos setores cresçam e que produtos de qualidade sejam levados ao público. Por isso mais uma parceria o Mural do Antena está fechando para a produção de conteúdo para a web. 
A partir deste mês a Clínica Fluyr Saudável vai contar com conteúdos audiovisuais produzidos por mim para incrementar a comunicação do espaço com o público de forma geral. Serão videocasts com dicas, prestação de serviços, novidades e muita informação sobre saúde, qualidade de vida e bem estar.
Agradeço aqui a Dra. Flavia Schultz pela confiança e tenho certeza de que vamos produzir muito material interessante para ser divulgado e compartilhado aqui na web. Vi muita novidade, muitas técnicas inovadoras e principalmente profissionais competentes e dedicados ao trabalho que realizam. 
Sejam bem vindos!!!

quinta-feira, 15 de março de 2012

VIAJANDO DIANTE DO COMPUTADOR

O vídeo que você vê no final deste post é muito bom, aliás recomendo que vá assisti-lo primeiro e depois volte a ler o post. Além de muito bem feito, de ter uma ideia incrível, ele me fez pensar sobre uma questão que vira e mexe me incomoda: o quanto estamos presos diante do computador.
Não são todos é claro, mas uma grande parte dos profissionais, isso sem contar também as crianças e adolescentes que ficam por gosto diante do computador. Ok, tem muito adulto que também fica por diversão e vontade própria. 
Mas estamos cada vez mais reféns dessa máquina que nos encara grande parte do dia. Olhamos mais através dele do que olhamos pela janela ou mesmo pelo espelho. O mundo todo diante de nós acaba sendo mais fascinante do que apenas a nossa singela rua. 
Ele é legal pra trabalhar, ele é legal pra se divertir, para se entreter, para se informar. Ele é legal!!!! Mas temos que dividir nosso tempo com outras coisas legais. Em muitos momentos somos como aquele brinquedo do vídeo, só conseguimos viajar pro meio dele, sentamos na nossa cadeira, apagamos a luz e vamos sendo engolidos por uma sucessão de imagens hipnóticas.
Poderíamos fazer mais vezes como o dono do boneco e do computador, desligar tudo, pegar a chave das nossas vidas e ir ver o que tem do outro lado da porta. 


Address Is Approximate from The Theory on Vimeo.

quarta-feira, 14 de março de 2012

DIA DA POESIA

AUTOPSICOGRAFIA


O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.

E os que lêem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.

E assim nas calhas da roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama o coração.



Fernando Pessoa


Em homenagem ao dia da poesia deixo um poema de um dos meus poetas preferidos, Fernando Pessoa

terça-feira, 13 de março de 2012

RECONSTRUÇÃO

Nós estamos em constante processo de construção. Construção da nossa vida, da nossa carreira, dos nossos processos. A obra em si nunca vai ficar realmente pronta e sempre vai ter um detalhe, uma pintura, uma coisa que quebra, que fica ultrapassada, que envelhece...
Vamos fazendo as modificações, os puxadinhos, aumentando a área de lazer, incrementando o escritório, abrindo espaço para os filhos, ou então fazendo o sentido inverso. Cada construção é uma construção com suas características de projetos, algumas mais incrementadas, outras mais simples...
Porém, em alguns momentos, por uma falha no projeto inicial, por uma mudança brusca de planos, por uma catástrofe natural, enfim, por inúmeros motivos, somos obrigados a reconstruir. Derrubar tudo e ir colocando tijolo sobre tijolo para que essa nova construção seja mais firme, mais bonita, mais de acordo com aquilo que você estamos vivendo e planejando. 
Essa reconstrução pode ser rápida, levar pouco tempo e quando percebe já está só fazendo os ajustes necessários. Mas nem sempre é assim. Sabe quando você está de saco cheio de uma obra? Ela não anda, as coisas vão devagar, atrasa tudo, a bagunça é generalizada, você não encontra nada e muita poeira pra todos os lados. Dá um desespero, mas sabemos que a obra é necessária. Já estou em reconstrução há alguns anos e não vejo a hora dessa bagunça acabar. 

segunda-feira, 12 de março de 2012

RICARDO TEIXEIRA FORA DA CBF

Esse era uma das informações mais desejadas por grande parte da mídia esportiva e também das pessoas que conhecem o mundo do futebol. Ricardo Teixeira renunciou ao cargo máximo do futebol brasileiro e também da chefia da comissão organizadora da Copa do Mundo aqui no Brasil.
A notícia é boa? Sim é. Está mais do que claro e é visível o quanto a administração de Teixeira foi danosa ao futebol e a política em geral. Acusado de várias irregularidades há um bom tempo a pressão era grande para sua saída. 
Mas a pergunta que fica é a seguinte: Vai mudar algo pelo menos num futuro próximo? A resposta é não. Até a Copa o vice que assume é nada mais nada menos do que José Maria Marin. Ele foi governador do Estado de São Paulo e presidente da federação Paulista de Futebol. Teve o nome muito falado na final da Copa São Paulo de Futebol Jr. quando simplesmente levou embora sem o conhecimento de todos uma das medalhas de premiação dos jogadores. 
Apesar de tudo temos que ficar de olho. A Copa do Mundo está consumindo muito dinheiro público e apesar da mudança de uma pessoa, o resto da turma continua por lá. 

domingo, 11 de março de 2012

SOBRE...VIVÊNCIA

Na noite deste sábado a apresentadora da RedeTV! Faa Morena, junto com a filha Andrea Dallevo fizeram uma noite de autógrafos do livro Sobre...Vivência.
Para chegar nesta gravação e conseguir concluir meu trabalho eu posso dizer que SOBREVIVI a um dia extremamente maluco. 
Eu já sabia que o sábado seria um dia cheio, além da gravação pela noite com a Faa eu tinha ainda que ir na parte da tarde até a casa do apresentador Amaury Jr. O que diabos o Antena iria fazer lá?
Eu explico: a esposa do Amaury foi uma das organizadoras do chá de bebê da apresentadora Daniela Albuquerque. Minha missão era registrar também este evento para o Portal da RedeTV!. Apesar da diferença de tempo entre uma pauta e outra tudo estava muito organizado e seria tranquilo fazer as duas coisas, mas...
Mas então o dia começou quente, ou frio, já que minutos antes de entrar no banho a minha região ficou sem luz para o conserto de um problema na rede elétrica. Então retardei ao máximo o momento do banho para ver se a luz voltava. Ela voltou, consegui me banho quente mas perdi minutos preciosos de vantagem para chegar a tempo na primeira pauta.
Parti para a casa do Amaury, cheguei depois do horário previsto por mim, mas antes de qualquer outro membro da imprensa. Consegui fazer imagens detalhadas de docinho, enfeites e dos convidados que foram chegando. Claro que a festa atrasou um pouco, normal, então fiquei com o tempo apertado para chegar na livraria. 
Com a primeira pauta concluída enfrentei uma chuva colossal para ir até o metrô e me dirigir até a livraria no Morumbi. Escolhi ir de trem e claro que escolhi errado. Por causa da chuva uma das estações estava com falha elétrica, ou seja, trens circulando com velocidade reduzida e uma galera exprimida dentro dos vagões. 
Demorei, mas cheguei novamente antes de tudo começar. A segunda pauta no livro da Faa também deu certo e agora consigo chegar em casa, com os pés doendo mas com a sensação de dever cumprido...
Fica então a dica do livro Sobre...Vivência, que reúne contos e poesias da Faa Morena e fotos da filha dela Andrea Dallevo. Já li algumas coisas e recomendo, um ótimo trabalho. 

Andrea Dallevo, eu e Faa Morena


sexta-feira, 9 de março de 2012

OS CABELOS BRANCOS DE SILVIO SANTOS

Silvio Santos assume os cabelos brancos
Já virou o assunto do dia, aliás, ontem a noite logo que a foto foi postada nas redes sociais muita gente já comentava o novo visual do apresentador Silvio Santos.
Se tem um assunto que é discutido há muito tempo na televisão brasileira é o cabelo, ou possível peruca, do apresentador. Só Silvio Santos mesmo para criar mitos em torno da sua figura e manter assuntos tão corriqueiros em discussão por tanto tempo.
Basta olhar alguns vídeos antigos dos programas de Silvio para ver o quanto o cabelo foi mudando. Penteado para um lado, para trás, mais comprido, mais curto, mais escuro, mais claro... A última vez que ele fez uma grande mudança foi na apresentação do piloto do programa "Um Milhão na Mesa". 
Silvio já indicava que queria fazer uma mudança brusca de penteado. E fez! Apareceu de cabelos brancos e vai assumir o visual grisalho a partir de agora (pelo menos por enquanto). 
Quem não se lembra da famosa foto do Silvio Santos careca, uma montagem feita na época para alavancar as vendas de uma revista, ou da menina Maísa puxando os cabelos e falando que Silvio usa peruca. 
Não sei o que ele faz dentro do salão do Jassa, mas realmente alguma "mágica"acontece por lá. Quando está longe das gravações o apresentador aparece sempre com um penteado simples e poucos cabelos. É passar no Jassa e o topete surge milagrosamente. 
Bom, vamos ver como ficará no vídeo. Silvio Santos vem aí de cabelos brancos.

ATUALIZAÇÃO: A foto abaixo é da gravação do primeiro programa depois da mudança do visual!!!

Eis o Silvio gravando com o branco prevalecendo.

Ano passado o apresentador ensaiou uma mudança no penteado.

Montagem com Silvio careca

quinta-feira, 8 de março de 2012

REVERÊNCIA ÀS DEUSAS

Afrodite, de Botticelli.
Elas estão aí por todas as partes, cruzamos com elas todos os dias, elas moram com a gente, elas conversam conosco, elas são fundamentais para a nossa existência. Mesmo assim, por inúmeras razões injustificáveis as tratamos como iguais. Que blasfêmia.
Deusas merecem respeito, merecem adoração, merecem homenagens... Claro que cada uma delas, dentro da sua área de atuação, do seu poder divino e da sua posição diante de nós tem um grau de importância, mesmo assim, o grau mais baixo ainda está a um templo de distância de nós homens mortais errantes. 
Faz parte da missão delas que nós não percebamos o quanto elas são divinas. Um truque orquestrado para que no final de tudo, depois de cometermos erros e de não enxergarmos essa luz que elas emanam, instintivamente irmos nos ajoelhar diante do altar e oferecermos nossos corações como forma de sacrifício de devoção e amor a elas, talvez a única forma de redenção aos erros humanos.
São milhões de Ísis disfarçadas de mães, nos protegendo, nos educando, nos mostrando os caminhos a seguir. As Atenas que nos guiam pelo caminho da sabedoria, da justiça e quando necessário até nos colocam em algumas guerras. 
Quantas Auroras não conhecemos que se transformam no final de todo ciclo diário e fazem do amanhecer sempre uma experiência única. E as Afrodites? Como elas estão espalhadas por aí, nos seduzem, enfeitiçam nosso olhar e os corações se renderem as paixões mais profundas. 
Eu poderia ficar aqui citando Deusas e mais Deusas gregas, romanas, egípcias para mostrar como elas não são únicas e estão multiplicadas no nosso dia a dia. Mas preciso mesmo?
Esse brilho divino é facilmente percebido ao poder mergulhar em um olhar profundo, ao sentir um abraço carinhoso, ao vislumbrar um sorriso sincero, ao se perder em curvas, enfim, ao estar diante delas.
Sou bem feliz por poder conviver com Deusas das mais diferentes categorias e que me fazem ser uma pessoa melhor, seja com o amor, com a amizade, com o companheirismo, com a sedução, com a sensualidade, com o sexo, com a inteligência, com a perspectiva de que sempre podemos ser melhores.
Essa é minha humilde oferenda, meu pequeno sacrifício, minha reverência as minhas Deusas Magdas, Marias, Camillas, Marcelles, Anas, Alines, Fernandas, Chris, Marianes, Julianas, Kátias, Regianes, Amandas, Carolines... São tantas Deusas que é impossível não se sentir protegido.
Parabéns mulheres!!! 

quarta-feira, 7 de março de 2012

PILOTO DE TESTES

Em televisão existe o piloto, piloto que é na verdade um teste, um ensaio, um "vamos ver como isso vai funcionar". É algo muito comum e grande maioria do que é gravado em piloto nunca você vai ver na sua tela.
Eu já gravei uma infinidade de pilotos para a TV. Desde projetos bem criativos e que certamente dariam uma mistura legal até piloto de programas famosos e que estão no ar. Mas nem sempre você que fez o teste será o titular do programa em questão. Algo como acontece no automobilismo por exemplo.
No mundo da velocidade existe o piloto de testes. Deve ser uma das figuras que mais trabalha (no caso da F1 trabalhava depois que proibiram grande parte dos testes). Porém vamos pensar na função em si. 
A equipe trabalha pesado e constrói uma nova máquina, potente, pronta para ser colocada na pista e ver quais os limites ela pode chegar. Então o piloto de testes entra em cena. 
Na lógica, se a equipe quer saber todos os limites do carro e ver se ele é bom, o test driver tem que ser muito bom. Tem que ser um cara que saiba traduzir tudo o que a máquina faz para repassar os detalhes para que os engenheiros possam corrigir, melhorar ou manter no equipamento. 
Mas ai vem a grande sacanagem. Depois de todos os testes, ajustes, amaciada, depois que o carro é domado, está afinadinho para ir lá e vencer, ser usufruído no seu limite vem o piloto titular, senta a bunda no cockpit e acelera, ganha títulos, tem toda as glórias de ser o titular no campeonato. Ninguém mais lembra do tal piloto de testes. 
É injusto? Pode ser. Grandes talentos podem ter passado a vida inteira testando e se tivessem corrido seriam grandes campeões. Tudo também fica no âmbito do "se". Sabe, parece aquela coisa do cara que fica lá um tempão paquerando a menina e depois de algum tempo quando ele vai realmente aos finalmentes vem outro cara e entra na sua frente e leva toda a fama. 
Assim é o mundo dos testes, em alguns momentos somos escalados para essa missão, em outros somos protagonistas. Assim vai girando o mundo e isso não é um teste. 

terça-feira, 6 de março de 2012

ÁLBUM DE FOTOS

Não há nada mais nostálgico do que pegar aqueles velhos álbuns de fotografia e ficar olhando e relembrando de momentos registrados. Grande parte desses momentos são bons, porém, depois do tempo que corre eles se transformam e podem gerar uma série de novos sentimentos. 
Com o mundo digital eles ficaram um pouco renegados e jogados pelas gavetas ou trancados no alto dos armários. Eles sempre são requisitados e fundamentais para esse momento de reviver algumas lembranças. Fotografar também era uma experiência um pouco diferente para os fotógrafos de final de semana. Com máquinas simples que não tinham os recursos que temos hoje uma foto era muitas vezes um tiro no escuro. 
Ninguém tinha muita noção do filme ideal para certas ocasiões, nem sempre quem batia a foto tinha habilidade para tal assustando a todos na pose que gritavam: "tira o dedo da frente da lente". Só íamos saber se o alerta funcionou depois de revelar as fotos, outro momento muito aguardado. 
Quando buscávamos as fotos era outra alegria. Logo começava a correria para ver se todas saíram como imaginado. Era normal alguma decepção. 
Hoje é fácil, você tira a foto, ficou ruim deleta, se ficou boa tira mais umas 10 para garantir outros momentos. Basta sair clicando para ser feliz. Depois coloca tudo em um álbum virtual, compartilha e muita gente dá uma espiada. 
Só que não há sensação mais gostosa do que pegar aquelas fotos amareladas pelo tempo e que estão carregadas fisicamente de sentimentos e fazer com que eles acordem e voltem a nos fazer companhia por algum minutos, até guardarmos o álbum em algum canto remoto a espera de um novo vasculhamento fotográfico e sentimental. Dei uma olhada em algumas fotos antigas hoje.

segunda-feira, 5 de março de 2012

HOUSTON, WE HAVE A PROBLEM

Sala de comando da NASA
Temos a nossa central de controle que opera incansavelmente todos as horas e dias das nossas vidas. Ela está lá sempre alerta, com suas luzes piscando, operadores atentos, alertas em todos os cantos procurando qualquer defeito nessa nave maluca que é nosso corpo humano. 
Quando falo em problemas não estou me referindo ao aspecto físico apenas. Não é um parafuso solto, falta de combustível ou botão falhando (também é). Existem outros problemas que também podem prejudicar ou alterar a rota de destino (mesmo que não tenhamos o mapa desenhado específico com um destino certo de onde devemos chegar).
Podem existir vários fatores que façam essa nave complexa que nós somos sofrer algumas interferências. Pode ser no software, pode ser algum conflito de programas ou até mesmo um erro de operação. Mas na maioria dos casos são fatores externos, como uma chuva de meteoros, que fazem a espaçonave complexa que nós somos entrar em turbulência.
Quando falamos em problema também não necessariamente é algo complexo ou catastrófico. Existem vários níveis, aqueles que podemos ir remediando sem dor de cabeça até o destino final e aqueles mais graves onde é necessária uma operação mais drástica para que tudo flua conforme o planejado. 
No caso da minha nave sei que há um problema porque tem uma pequena luz vermelha piscando incansavelmente no painel. Até tenho ideia de que possa ser, mas ainda não achei a solução para o problema. 
Por enquanto então ainda fica zumbindo aquele alarme chato e os incansáveis alertas da torre de comando: Antena, we have a problem... 

sexta-feira, 2 de março de 2012

BARRICHELLO NA INDY

Foto: Carsten Horst/ Hyset
Nem foi tão surpresa assim. Depois que o brasileiro foi preterido na principal categoria mundial e com a sua insistência de que sua carreira não havia terminado. Era claro então que a proximidade com o amigo Tony Kanaan ia pesar bastante.
Junte isso ao primeiro teste que surpreendeu a todos, depois a aposta de patrocinadores, a Band ansiosa por um chamariz para as corridas e o aval da mulher e pronto. Hoje ele oficializou sua ida a categoria americana. 
O que será de Rubinho na Indy ainda é uma incógnita. Porém é nítido que o plano dele é fazer uma temporada aceitável, que faça seu nome voltar a circular, conseguir mais patrocinadores e voltar a F1 em 2013. 
Acho que é uma hipótese possível de ser realizada. Se ele vencer provas, o que não é difícil principalmente nas pistas mistas, vai conseguir boas verbas e a F1 estará de braços abertos novamente, pelo menos para o tal encerramento que ele tanto almeja. 
Vai ser interessante ver essa temporada da Indy. Desejo boa sorte para Barrichello, um grande piloto que infelizmente tomou algumas decisões erradas em certos momentos, foi atropelado pelo patriotismo sufocante da Globo e se deixou levar por isso. 

quinta-feira, 1 de março de 2012

O BRASIL SERIA UMA GRANDE OBRA DE FICÇÃO?

As vezes é difícil separar a ficção da realidade, o mundo do faz de conta do que acontece na nossa porta. Não é fácil fazer essa separação porque muitas vezes a realidade tem toques altamente ficcionais e a ficção pode parecer algo corriqueiro e comum. Não sei se me fiz entender, mas ok. Até o final do texto acho chego onde quero chegar. 
Nesta quarta-feira um dos produtores executivos da série Lost e também diretor de vários episódios da saga do acidente do voo da Oceanic, Jack Bender disse no Rio de Janeiro que o Brasil é a terra dos contadores de histórias. Ele fez menção ao carnaval e ao desfile das escolas de samba. 
Ele tem razão, nós sabemos mesmo contar histórias e ao mesmo tempo somos mestres em fazer a realidade ter fortes traços de ficção. Seria o Brasil então uma grande ilha de Lost e nós personagens enfrentando as mais variadas loucuras de algum roteirista enlouquecido? Exemplos não faltam...
Uma megalópole, uma das principais cidades do mundo, cheia de complexas ligações, problemas, diversidade, um caos organizado dentro de uma bagunça pode ter como candidato a comandante um humorista, praticamente analfabeto e que conseguiu se tornar deputado. Nada contra palhaços, analfabetos e deputados (alguns). Fala se isso não é um baita roteiro de uma série dramática? humorística? ficção científica? O maior medo é que ele pode ganhar... (detalhes aqui)
Um homem, ex-deputado e delegado é acusado de matar uma pessoa, é preso e depois de um tempo consegue habeas corpus. Como determinação ele é obrigado a usar as tornozeleiras eletrônicas que informam a localização e restringe a movimentação do acusado pela cidade. Além deste crime pelo qual foi preso ele ainda responde outro processo pela morte de mais uma pessoa. 
Esse mesmo homem, acusado de dois crimes, usando uma tornozeleira restritiva foi nomeado DELEGADO-ADJUNTO. Como assim Brasil???? Além disso, enquanto esteve preso continuou recebendo o salário de delegado. Isso é outro roteiro de série muito bom... (detalhes aqui)
Olha, tenho medo dos próximos episódios e das novas séries reais que vão surgindo por aí. Tem coisas que nem a cabeça mais maluca do mundo do entretenimento consegue criar e aqui no Brasil nós temos brotando em cada esquina. 

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO