segunda-feira, 30 de julho de 2012

A PADRONIZAÇÃO DE TUDO

Atualmente
Quem acompanha o blog há mais tempo sabe que gosto muito de Fórmula 1. Ana passado escrevi posts sobre todas as corridas usando como elo as Paddock Girls, aquelas moças bonitas que ficam no grid de largada segurando a bandeira dos países, o número dos pilotos e no final da prova batem palmas ao lado do podium. 
Foi um sucesso usar essas moças, todos os posts tinham muito acesso, principalmente de um público que eu não imaginava atingir, as mulheres. A temporada passada acabou e eu não me animei para escrever nessa. Ontem, depois que acabou o GP da Hungria recebi um e-mail perguntando sobre o porque eu ter deixado de falar das meninas.
A resposta é simples: a padronização. Nesse mundo de patrocínios e do domínio em massa de marcas, muitas coisas foram padronizadas. Uma delas as meninas do grid. Meio que perdeu a graça, quase todas as corridas patrocinadas pelo banco espanhol há uma regra, roupas iguais e sem graça. Aliás o banco conseguiu estragar até o troféu. Todos também são iguais e feios...
Mas isso não acontece só na F1. Basta olhar em volta para perceber que o mundo tem ficado padronizado, tudo igual, tudo sem graça, tudo sem brilho, apenas igual. Marcas imprimem suas cores e suas formas por onde passam, por onde querem ser vistas e isso deixa tudo muito chato. 
Entendo que elas precisam aparecer ao máximo para ficarem incrustadas na nossa memória, mas não precisa estragar o lúdico, o bonito, o sensual, o diferente... As vezes acho que esse planeta tem ficado um lugar muito chato pra se viver.
O troféu nada mais é do que uma propaganda do patrocinador.
Onde foram parar as taças?

2004

1997

sábado, 28 de julho de 2012

OLIMPÍADAS - LONDRES 2012

Ah Londres, Londres, ver essas chamadas, a abertura dos jogos, o início das competições na capital inglesa está me deixando saudosista. 
Saudades da pontualidade, das ruas limpas, do povo educado e cerimonioso, das atrações de perder de vista. Londres é um lugar que gostaria de retornar. Mesmo tendo visitado muita coisa por lá sempre ficam outras tantas por fazer...
Bom, essa saudade toda bateu extremamente forna na festa de abertura dos Jogos Olímpicos de 2012. Gosto dessas cerimônias. Elas me fazem acreditar que o homem junto e coordenado consegue fazer, além de uma festa emocionante e bonita, muito mais coisas. 
Voluntários que se doam para um bem comum, pessoas que se organizam para produzir algo mágico... Seria tão bom se com tantas outras coisas nós humanos nos uníssemos assim. 
Enfim... ache a festa muito interessante, visualmente perfeita e também muito humana. Diferente de Pequim 2008 que foi uma festa tecnicamente rigorosa e quase que um show de sincronia, Londres foi mais solta, mais caótica, assim como são os ocidentais. 
Sensacional a presença do ator Rowan Atkinson interpretando seu mais famosos sucesso, o Mr. Bean. Destaque também para a participação da rainha que topou fazer uma interpretação bem humorada da sua chegada ao lado do agente oficial britânico 007. 
Essas festas me emocionam sempre, apesar da tradicional e chata entrada das delegações. Eles precisam pensar num jeito mais rápido de fazer isso... Mas tudo bem... O momento de acender a Pira Olímpica foi muito simples mas sem perder o tom especial e emocionante do momento. 
Agora é ficar de olho nos jogos. Oportunidade de ver brasileiros esquecidos pela mídia ganharem medalhas e os badalados normalmente decepcionando. Olimpíadas são ótimas para sacudir um pouco a ordem natural das coisas. 

Pira Olímpica sendo formada durante cerimônia de abertura.

sexta-feira, 27 de julho de 2012

FAME: O MUSICAL

Na noite desta quinta-feira fui conferir mais um musical, desta vez Fame. A peça traz o encontro de vários jovens que estão em busca da fama e sucesso no mundo das artes. Música, dança, interpretação, eles querem brilhar mas só que nada é tão fácil ou simples como pode parecer. 
Achei um musical interessante, não foi o melhor que vi, mas certamente está na lista de um dos mais interessantes visualmente falando. O cenário móvel e bem pensado, o jogo de luzes e as coreografias não deixam a peteca cair durante as pouco mais de duas horas de espetáculo. 
A temática não me encanta muito, tem cara de Glee, porém algumas interpretações acima da média também fazem valer o ingresso. Aliás, vou citar uma das interpretações que valem a ida ao teatro. A atriz Giulia Nadruz interpreta uma atriz tímida, apaixonada, talentosa e entusiasmada. Ela dá show!!! 
Muita gente torce o nariz para musicais. Eu gosto, apesar de achar que as vezes cansa um pouco essa historia de ficar falando tudo em forma de música. Mas o espetáculo como um todo é empolgante. Vale a pena!!

Serviço:
Fame: o musical
Teatro Shopping Frei Caneca
Mais informações: www.fameomusical.com.br

quinta-feira, 26 de julho de 2012

LINGERIE DAY

@thammysantana1
E está rolando mais um Lingerie Day principalmente no twitter. Lembro quando aconteceu pela primeira vez, há três anos. Foi curioso ver a time line do twitter cheia de mulheres que eu seguia vestidas com suas roupas íntimas.
Para alguns pode parecer uma bobagem, para outros apelação, mas é interessante notar nisso tudo o movimento das pessoas diante de algo. Hoje virou festa e muitas e muitas mulheres estão lá "apoiando"o dia e exibindo suas peças íntimas. 
Algumas de forma mais tímida, outras mais ousadas e aquelas que perdem a linha e até caem na vulgaridade. Você percebe bem a diferença de mulher para mulher, aquela que sabe ser sexy e ousada mas sem perder a classe e outras que descambam de vez e perdem totalmente a sensualidade.
Uma mulher de lingerie é algo para ser admirado. A exibição das lingeries é quase que um jogo de sedução, de hipnose que acaba nos levando inconscientemente a nos apaixonar por essas mulheres. 
Vi algumas seguidoras e pessoas que eu sigo com as suas peças exibidas hoje. Algumas bem interessantes, diga-se de passagem... Ainda não tenho uma favorita, aliás, tenho mas deixa pra lá!! hahahaah

PARTICIPAÇÃO NO PROGRAMA ONLINE

Galera que participou do programa.
Nesta quarta-feira eu e minha amiga Milla Linhares participamos, ao vivo, do programa Online. Comandado pela apresentadora Cláudia Carla o programa é exibido pela Rede Brasil de Televisão e como diz o nome fala sobre o universo online, o mundo da web.
Estivemos lá para falar um pouco dos nossos trabalhos na rede. Tanto o Mural do Antena quanto o Projeto Personas foram mostrados lá e a história dos dois contada num bate-papo bem gostoso.
Fiquei impressionado com a repercussão do programa com muitas mensagens que recebi pelas redes sociais e também por telefone e tal. Os dois blogs tiveram um aumento interessante no número de visitantes na hora do programa.
Obrigado a todos que mandaram mensagens e também a Cláudia Carla pelo convite!!!

Cláudia carla, eu e Milla Linhares

Eu e Milla Linhares

tinha até camarim personalizado!! heehe



quarta-feira, 25 de julho de 2012

TRISTE REALIDADE

Sabe aquele papel de bala, aquele isqueiro usado, a tampinha da garrafa, chiclete sem gosto que normalmente muita gente não joga no lixo e simplesmente larga por onde for? Então, essas coisas não desaparecem feito mágica e nem sempre nosso sistema de limpeza é capaz de varre tudo isso, isso quando não varre para debaixo do tapete.
Muitas vezes o tapete é a natureza, isso quando não confundem natureza com lata de lixo. Aliás, nós humanos somos mesmo nojentos. Bom, o fato é que esse lixo, principalmente esse pequeno, esse que parece não fazer diferença é um veneno.
Veneno para mim, veneno para você e uma sentença de morte para outros seres vivos. O documentário Midway é sobre uma Ilha no Pacífico. Uma ilha que tinha tudo para ser um paraíso, mas por nossa causa está virando um cemitério. Não fuja das imagens, assista, é bom para refletir.
Segue um trailer.


MIDWAY : trailer : a film by Chris Jordan from Midway on Vimeo.

terça-feira, 24 de julho de 2012

BALANCEANDO AS AÇÕES

Quando estamos diante de uma novidade, de algo que chama muita nossa atenção, que acaba ocupando parte importante do nosso tempo, acabamos deixando outras coisas importantes de lado. O que não é legal, diga-se de passagem. mas ao mesmo tempo é natural.
Não é fácil balancear atenção, atitudes, ações quando algo chega com certa intensidade. É assim com namoros, por exemplo. Quando começamos um relacionamento temos a tendência de dar mais atenção para a pessoa amada, deixando um pouco de lado outras coisas como amigos, animais de estimação, família, trabalho. Ficamos fissurados nessa novidade e a balança desequilibra.
Com trabalho é assim também. Quando temos um novo projeto ficamos debruçados sobre ele e acabamos fazendo outras coisas no automático. Novamente é algo natural, porém esse piloto automático ativado para outras funções deve ser acompanhado de perto para que nada saia dos planos. 
Estou escrevendo tudo isso para dizer que nos últimos tempos algumas coisas estão pesando mais na balança do que outras. novas pessoas, novos projetos estão desequilibrando um pouco minhas ações. Ainda tudo está dentro dos controles e nada está fora dos planos, porém sei que tenho que ficar atento para que nada seja tão pesado assim que faça com que as outras coisas percam peso na minha vida. 


segunda-feira, 23 de julho de 2012

O UNIVERSO DE CADA UM

Cada um de nós é um universo. Não só fisicamente falando, mas com relação ao que sentimos, fazemos  e almejamos. 
É muito curioso quando temos oportunidade de entrar no universo do próximo, mesmo que seja só um pouco, porque acredito que por mais que essa invasão seja profunda, nunca conseguimos desbravar tudo o que há em cada um. 
Nesses muitos anos de reportagem tive algumas boas oportunidades de fazer isso em alguns programas que fiz. No hard news (o jornalismo diário) nem sempre é possível mergulhar no universo do entrevistado ou da situação envolvida. 
Ultimamente no Projeto Personas estou conseguindo fazer isso novamente. Em cada pesquisa, em cada história que ficamos sabendo mergulhamos em um novo universo, cheio de descobertas, surpresas boas e ruins também. 
É um aprendizado, quase que uma experiência científica para desbravar novos mundos. Pessoas são interessantes, fazem coisas interessantes, tem manias, medos, alegrias, dramas e expressam isso das mais diferentes formas. 
Acho que nessa busca acabo meio que tentando entrar no meu próprio universo e tentar descobrir como ele funciona, como eu sou, como eu expresso minhas coisas. Parece estranho mas sinto isso as vezes. No universo de cada um tento encontrar o que existe no meu ou então onde estão os buracos negros que tanto tentamos desviar...

sexta-feira, 20 de julho de 2012

BREVE TEXTO SOBRE A AMIZADE

Não sei se eu sou a pessoa mais indicada para falar sobre isso. não que eu não seja e tenha amigos. Tenho sim, porém a vida nos ensina algumas coisas. Uma delas é saber que pessoas que gostamos nem sempre estão por perto. Temos que saber lidar com as barreiras naturais da vida.
Não deveriam existir essas coisas, porém acabamos nos levando por mares revoltos e nos afastamos de alguns. É a vida, que não deveria ser assim, mas é. Amanhã mesmo vou rever algumas amigas que a correria acabou deixando longe, mas o carinho sempre existiu.
A mesma vida que assim como a maré ajuda a levar para longe alguns dos amigos é responsável por trazer outros numa forte onda que vem, te balança, mexe com suas bases, te desequilibra e faz voc6e olhar o mundo com outros olhos.
Eu também fui atingido por essa onda recentemente. Quando tudo parecia calmo, sem fortes mudanças um tsunami me trouxe de presente uma grande amizade. Daquelas que chegam sem pedir licença, entram na sua vida, se deitam no sofá, se cobrem com suas cobertas e dizem: vim para ficar. Que bom!!! Para evitar que a mesma onda que trouxe leve embora eu estou amarrando uma âncora para que ela permaneça sempre por perto. Não é gostoso ver pessoas partindo...
Nesse dia do amigo um abraço para todos aqueles que passaram pela minha vida. Mesmo os que não estão presentes sempre deixam algo de bom!!!! 

quinta-feira, 19 de julho de 2012

BATMÓVEL: O DOCUMENTÁRIO

Aproveitando todo barulho que será feito para o lançamento de mais um filme da saga do herói morcego, a Warner vai lançar um documentário que parece ser bem interessante sobre todos os carros (os batmóveis) utilizados em todos os filmes e séries feitas com base no personagem secreto de Bruce Wayne.
Achei muito legal que eles foram buscar desde os mais comuns até o último batmóvel feito que mais parece um tanque de guerra. Conversaram com os diretores dos filmes, os especialistas em carros e desvendam as especialidades e particularidades de cada um deles. 
Sem precisar pensar muito o meu batmóvel preferido é aquele da série "tosca" da década de 60 (esse que ilustra o post). Putz, era da década de 60 isso. Talvez esteja aí a explicação para um batmóvel tão estiloso. Tem também a lembrança da infância. Eu tinha uma miniatura bem legal desse carro.
Muito boa ideia para promover o filme. Abaixo o trailer do documentário. 

quarta-feira, 18 de julho de 2012

PROJETO PERSONAS

Enfim depois de alguns meses de trabalho, troca de ideias, gravações, reuniões, edições, risadas e lapidando tudo a cada dia está no ar minha nova empreitada. 
Desta vez não seguirei sozinho nessa aventura. Fiz questão de escolher a dedo uma profissional, que é muito mais, é uma amiga, para juntos compartilharmos histórias de pessoas comuns, mas que tem algo interessante a dizer. Acho até que conhecer a Milla Linhares foi o estopim para que eu me animasse a ir em frente.
Sou jornalista, trabalho há anos em televisão e o que gosto mesmo de fazer e conversar com as pessoas, de conhecer gente nova, inusitada, diferente e que tenha algo a dizer. Essa é a vocação do repórter, contar histórias. Estou fazendo de um jeito que gosto muito. 
O Projeto Personas tem algumas inspirações. Coisas do início da minha carreira, outras que vieram da época da pós-graduação, algumas surgiram na mesa do bar. Juntando isso com as ideias e anseios da minha parceira a coisa foi ganhando forma. 
Gravamos um piloto meio que no susto, editamos no mesmo dia e vimos que a coisa poderia render. Começamos então a pensar nas personas que poderiam figurar. A lista hoje é enorme. A vantagem desse site é essa, temos tempo e espaço para ir contando essas histórias. 
Logo de cara disponibilizamos 6 personagens diferentes. Um palhaço, uma freira, uma apaixonada pela musica, uma bruxa, um cantor e um artista da reciclagem. 
O foco não é a edição, não é a gravação e sim o que cada uma dessas pessoas tem para dizer sobre a vida delas, sobre o que fazem, suas lutas, conquistas, medos, desejos... 
Conto com você que sempre me acompanhou aqui no Mural para que também passe a visitar o Projeto Personas. Para acessar clique aqui.

terça-feira, 17 de julho de 2012

BASE DE LANÇAMENTO

Não sei se comentei algo mais profundamente aqui no blog, se não o fiz ainda farei agora. Não vou revelar ainda o que é porque devo fazer isso no próximo post, quando a foguete estiver em órbita já. 
Sim, vou lançar um novo projeto. Algo simples, sem grandes invenções ou pretensões estratosféricas, porém algo feito com muito empenho, gosto e alegria. 
Estou aqui para escrever sobre esses momentos que antecedem ao lançamento. Sabe aquela correria que deve existir na NASA antes de lançar uma missão espacial. Eu me sinto assim. Fico nervoso, ansioso, esperançoso.. mesmo sabendo que estou fazendo algo bem feito, só temos a certeza do "sucesso" quando o foguete saí da base de lançamento e ganha o infinito do espaço.
Eu e minha amiga e parceira nesse projeto, Milla Linhares, temos trabalhado muito para acertar tudo, para deixar as coisas redondinhas antes de divulgar e colocar a prova daqueles que irão conhecer aquilo que estamos fazendo. 
Uma ideia meio antiga, que veio ganhando novos formatos com as mudanças tecnológicas, com as possibilidades de publicação e divulgação, mas que sem dúvida só foi possível quando encontrei essa menina que resolveu ajudar a colocar combustível e apertar o botão de lançamento. 
Foram meses de um trabalho que não terminou e se depender da nossa vontade vai ser prolongado por muito tempo. Não é por isso que este blog e outros projetos serão colocados de lado. Muito pelo contrário, as coisas se complementam e me dão força para pensar em outras coisas. 
Agora estamos fazendo aquele ajuste final e prontos para a contagem regressiva de, mais do que um projeto, uma forma de fazer aquilo que gostamos com pessoas que gostamos...

domingo, 15 de julho de 2012

PRÊMIO TOP BLOG 2012

Eu já havia comentado nas redes sociais, mas chegou a vez de fazer um post oficial sobre o assunto. Mais uma vez o Mural do Antena está concorrendo ao Prêmio Top Blog. 
Neste ano uma troca interessante e que me coloca numa melhor condição de disputa. Nas últimas três edições que concorri estava inscrito como um blog de arte e cultura. Apesar de falar sobre os assuntos aqui também, o blog é mais amplo. Portanto a troca de categoria se fez necessária e mais justa para disputar. Agora estou na categoria variedades. 
Muito bem, sem muita enrolação venho além de agradecer o apoio de sempre, as indicações e confiança no trabalho que realizo aqui, quero também pedir para que você vote e me ajude a fazer parte da lista dos 100 mais votados pelo quarto ano seguido e quem sabe ficar no Top 3. Mas dependo de você meu amigo e amiga.
Esse ano ficou ainda mais fácil. Basta clicar no link aqui no lado direito do blog que fica piscando. Assim será redirecionado para a página de votação. Lá você tem três opções para votar. Pelo e-mail (depois precisa clicar no link que será enviado para seu e-mail), pelo facebook e twitter. Pode votar 3 vezes, além de votar com todos os e-mail que tiver, é claro!!
Para ser direcionado para a página de votação você pode clicar aqui também. 
Desde já agradeço seu voto e confiança!!

sexta-feira, 13 de julho de 2012

O PSICÓLOGO DO PSICÓLOGO

Ele abre sua clínica todos os dias. Logo cedo está a disposição para atender seus pacientes. Com tranquilidade deixa a porta aberta e espera a chagada de cada um deles. Ele gosta de fazer isso, mesmo sem entender como tudo começou.
Tem aqueles pacientes que frequentam diariamente, se deitam no divã e por lá ficam horas e horas. Outros passam rapidamente e esporadicamente. Alguns uma única vez, outros agendam visitas espaçadas de tempo em tempo. É reconhecido por todos como tendo conselhos certeiros.
Uma rotina com a qual ele foi se acostumando. Um problema aqui, uma chateação acolá, um conselho bom, uma bronca pra alertar... Assim ele vai passando e conhecendo histórias, se espanta com alguns fatos, se diverte com outros. Tenta ponderar entre a razão e a emoção.
Enquanto o paciente está deitado no divã falando ele, sentado em sua confortável cadeira, observa os gestos, as reações e aos poucos vai entrando na história, na vida, nos problemas e aflições que atingem o próximo. 
Termina mais um dia, ele fecha seu consultório e volta pra casa vazia. Deita no seu próprio divã, olha para um lado, olha para o outro e começa a falar consigo mesmo. O vazio não ajuda muito, por isso vai se debruçar em alguma coisa. Escreve, escreve bastante, uma forma de conversar mentalmente com a folha em branco, mesmo que ela esteja presa dentro de uma tela. Depois de escrever vai em busca de outro conselheiro: o chuveiro.
O som das gotas violentas explodindo nos azulejos é interrompido por uma barreira. O corpo nú que se deixa agredir pela água quase fervendo e forte que saí da ducha. Esse momento é como se entrasse em outro universo. Sonha, fala, canta, viaja nas coisas do dia, imagina situações, muitas vezes nem tem vontade de sair debaixo daquela cachoeira artificial de ilusões. 
Ele sai mais animado, mais leve, porem com suas preocupações, com suas agonias, com seus sentimentos variados ainda agitados. Não resta outra coisa se não calar essas vozes com o travesseiro, quase que sufocando todas elas. O sono vem e ele descansa. No dia seguinte ele sabe que tem que estar novo e de pé para abrir a porta do consultório novamente. 

quinta-feira, 12 de julho de 2012

O MAIOR BRASILEIRO DE TODOS OS TEMPOS

Ontem o SBT estreou um programa que tem a missão de escolher um nome que seja considerado o maior representante de toda a história deste país. Um formato original da BBC e que foi realizado em diversos países do mundo com resultados bem interessantes.
Para que o programa pudesse ser realizado aqui no país, devido a proporção de habitantes que temos, seria necessário mais de 1 milhão de votos únicos. Ano passado a emissora tentou e não conseguiu, mas desta vez deu certo. Quando via as chamadas logo imaginava quem seriam as 100 pessoas escolhidas na primeira fase de votação. 
Sabia que teriam alguns nomes absurdos e que as ordens de importância nem sempre bateriam com a lógica, mas na revelação dos votados entre as posições 100 e 41 o que se viu foi como dá pra se mobilizar pessoas para conseguir algo. Era nítido que muitos nomes figuravam ali por causa de mobilizações de grupos. 
Claro que minha lista não bate com a sua e com a de outros, mas tem nomes ali que são de doer. Obviamente é um programa de televisão e que não deve ser levado a ferro e fogo, porém não precisa ir muito longe para ver que muitas vezes o povo também faz o mesmo tipo de escolha no mínimo questionável nas urnas, imagine então em uma eleição como essas. 
Tirando isso acho que deve ser um programa interessante de assistir. Apesar de alguns nomes irritarem, outros estão com muito mérito ali. 
Semana que vem vão revelar os 40 primeiros colocados. Estou curioso e com certo receio de quem são os mais votados... 

quarta-feira, 11 de julho de 2012

O PARALELEPÍPEDO

Antes de qualquer coisa acho que paralelepípedo é uma das palavras mais legais de falar na língua portuguesa. É gostoso mencionar sílaba por sílaba e carregar no "pí" com seu acento bem agudo, parece uma montanha russa, a primeira parte da palavra você fala devagar e com força, como se estivesse numa subida, depois dá aquela carregada no agudo e termina a parte final acelerada e no embalo. Nossa, que viagem... reflexo da madrugada.
Dito isso sobre a parte da pronúncia da palavra quero dizer que a pedra em si que chamamos carinhosamente com esse nome gostoso e que calça muitas e muitas ruas pelo nosso país é muito discriminada. 
Sim, um preconceito baixo de como se ela fosse muito menos importante do que o asfalto. Falam das ruas com paralelepípedos como se fossem menores, pobres, sem importância, esquecidas pelo progresso. Mas não... muitas dessas ruas são nobres, importantes e muito charmosas. 
Vale lembrar aos asfaltistas (acho que criei uma palavra) que toda rua pavimentada e com o famoso piche negro fazendo aquela cobertura como se fosse um bolo tem como recheio: Paralelepípedos...
Depois de apostar em pedras preciosas como amuletos, de ver cristais, rubis, ametistas brilhando e de nada adiantando adoto a partir de hoje o paralelepípedo como minha pedra de sorte, sendo assim fica mais fácil tropeçar em cada esquina, graças ao desleixo da prefeitura no meu talismã...

terça-feira, 10 de julho de 2012

VAMOS COMER PIZZA

Hoje é o Dia da Pizza, uma das comidas que eu mais gosto e que sempre está entre os pedidos mais frequentes aqui em casa. Não só aqui mas na casa de muita gente, principalmente dos paulistanos. 
São Paulo tomou pra si o título da capital mundial da pizza. Os números são gigantescos quando falamos em quantidade de pizzas vendidas, pizzarias, sabores, modos de preparo etc, etc e mais etc...
Apesar das invenções mais malucas, as pizzas mais tradicionais são sempre a escolha certa para uma refeição agradável. Pizza é sinônimo de alegria, de reunir pessoas e de muita diversão.
Normalmente dizem que o dia da pizza aqui em SP é domingo. Porém em casa costumamos pedir no sábado a noite. Mas que dá vontade de abrir uma exceção nesta terça-feira dá. 
Existem pizzas e pizzarias inesquecíveis. Algumas delas me fazem lembrar de momentos importantes, outras do sabor inconfundível... Pizza vai bem com quase tudo, cerveja, refrigerante, vinho... Vai bem numa ocasião mais formal e também naquele momento de pura descontração. 
Viva a pizza!!!

domingo, 8 de julho de 2012

FAZENDO ALQUIMIA

Alquimia é uma pratica antiga (mas segundo muita gente ainda praticada atualmente) que basicamente busca transformar qualquer metal em ouro e também encontrar o elixir da vida eterna. Como eles querem fazer isso? Utilizando diversas fontes de conhecimento, misturando inúmeros elementos como química, magia, filosofia, matemática e outros mais. 
Bom, se alguém conseguiu isso ainda não revelou. Mas pense bem... todos nós somos alquimistas no dia a dia. vivemos na busca da transformação, do aprimoramento, da fórmula para uma vida melhor. Claro que tem gente que faz tudo isso, mas só que ao contrário. Ninguém disse aqui que a alquimia só tinha princípios do bem. 
Estava editando um vídeo e lembrei disso porque certa vez ouvi de um colega que nós fazíamos alquimia diariamente. Utilizávamos nosso conhecimento filosofico e cultural para escrever o texto. A técnica para captar as imagens, fazer entrevistas... O matemático para calcular tudo dentro de um tempo. Pegávamos todos os materiais brutos que separados não fazem sentido algum e no final de todo um processo estava lá uma reportagem, documentário, clipe musical, seja lá o que for, pronto e com sua função. Assim é na minha profissão e assim também o é em muitas outras. 
Dito isso fiquei pensando aqui nas muitas alquimias que tenho feito, principalmente no que se refere ao meu "eu"interior, essas são as mais difíceis e nem sempre perceptíveis. Graças a uma combinação interessante de elementos fui passando por transformações. Creio que hoje estou melhor do que ontem e pretendo continuar utilizando esses elementos para continuar evoluindo. 
Nada de ouro ou vida eterna, quero apenas estar ao lado de energias boas, de pessoas que me fazem bem e principalmente fazendo aquilo que gosto. 

sexta-feira, 6 de julho de 2012

TOMANDO DECISÕES

Nunca é fácil tomar uma decisão. Até porque se chegou nesse ponto de fazer escolhas existem no mínimo dois lados opostos que merecem ser considerados. 
Para um libriano então é uma tortura porque sempre costumamos olhar para o lado bom de ambas as coisas e isso faz com que cada decisão fique ainda mais cruel. Porém não há como fugir desses momentos.
O engraçado é que certas propostas parecem chegar no momento errado. Quando tudo por um lado começa a caminhas, mesmo depois de muita batalha, vem algo que faz você balançar e se questionar o quanto vale a pena seguir por aquilo que você vinha planejando ou então se jogar numa aventura que pode ser interessante mas tem começo, meio e fim. 
Sempre quando tomo uma decisão que envolve coisas complexas fico com aquela sensação: será que fiz o certo?
Já escrevi sobre isso uma vez aqui se não me engano. Apesar desse pensamento sempre circular pela cabeça eu sempre acho que a decisão certa é aquela que tomamos e por isso, mesmo que possa parecer menos vantajosa, temos que batalhar e seguir caminhando sempre...

quinta-feira, 5 de julho de 2012

CORINTHIANS CAMPEÃO DA LIBERTADORES

Não tenho como ser imparcial neste texto. Claro que minha emoção que ainda faz meu coração bater ainda mais acelerado e gritar em aplausos ao Corinthians. 
Um título engasgado durante toda nossa história. Os que zombavam tinham razão e agora não tem mais. A taça está nas nossas mãos em uma campanha invicta e cheia de emoção. Vasco, Santos e Boca foram adversários que testaram nossos nervos. 
O time soube se portar diante das adversidades e manteve uma frieza invejável diante de momentos em que tudo parecia ir para o buraco. Entrou para história pela taça conquistada e também por essa empatia incrível com a torcida. 
Impossível se manter inerte e frio diante de um momento tão especial na história desse time que nasceu quase na esquina da minha casa, com participação de familiares e que toma quase que todo o bairro que moro. O Bom retiro está em festa, a cidade está em festa. 
Eleger um nome de destaque? Impossível também. O TIME foi o destaque, todos juntos foram responsáveis por essa conquista. Sheik e seus gols decisivos, Danilo e seus passes mágicos, Chicão e sua garra, Cássio milagroso, Romarinho e sua estrela que brilhou e todos os outros. E o Tite e sua Titibilidade?? Esse cara merece. 
Bom, sem provocações, sem ficar cutucando ninguém.. Torcer é algo mágico. É tão bom quando o esporte consegue nos tirar da órbita, fazer com que as lágrimas rolem sem vergonha pelo nosso rosto. 
Obrigado Corinthians por mais esse momento inesquecível de quem torce tanto por você. 

quarta-feira, 4 de julho de 2012

AÇÕES FLUTUANTES

Não, este não é um texto sobre o mercado financeiro, sobre a bolsa de valores ou sobre a variação cambial. Mas muito desse mercado que sobe e desce me ajuda a entender muitas outras coisas.
Coisas do dia a dia, coisas referentes a auto-estima, valorização pessoal e porque muitas vezes nos sentimos numa montanha russa de sentimentos. 
É possível em determinado momento você achar que suas ações estão super valorizadas e no dia seguinte perceber que elas despencaram na cotação. Certamente os investimentos estão acontecendo de forma errada e esse jogo de perde e ganha vai acabar deixando nossas contas no negativo. 
Eu sou muito pé atrás com as coisas, não sou de me jogar de olhos fechados em qualquer oportunidade mas tem algumas que quando percebemos já estamos mergulhados até o pescoço. 
Situações que podem parecer vantajosas, de valorização e até certo ego elevado. Mas sempre vem um balde de água fria, aquela crise externa, que não tem nada a ver com você e te faz perceber que tudo aquilo não era mais do que especulação. O investimento real não existia e quando você se dá conta está lá com as ações desvalorizadas, com o câmbio desregulado e meio sem saber como e onde investir novamente. 
Eu nem tenho muito com o que investir, mas cada vez mais fico temeroso em me jogar nesse mercado devastador. 

terça-feira, 3 de julho de 2012

COMEÇANDO MINHA SESSÃO DE RPG

Bem que eu gostaria de dizer que eu estou começando uma sessão dos jogos de RPG, aqueles onde você vive um personagem e tal. Muito provavelmente quem joga esses jogos também precisa fazer  outro RPG.
Sim, a Reestruturação Postural Global é um tratamento que vem ganhando cada vez mais importância devido a nossa desregrada postura do dia a dia. Eu sou um péssimo exemplo disso e por isso estou eu indo direto para a maca. 
Não preciso pensar muito para observar onde eu normalmente erro. Neste exato momento em que escrevo o post estou curvado, cabeça baixa, parecendo um corcunda diante do computador. Isso reflete quando ando, quando sento para almoçar e por aí vai. 
Um agravante é a mochila, quase que sempre ela está lá me seguindo grudada nas costas. As vezes mais leve, outras bem pesada e sempre me sinto uma tartaruga ninja com um casco permanente. O peso faz com que eu fique torto e tal. 
Depois de carregar todo esse peso, tiro a câmera da mochila e aí entro em mais um erro postural. Segurar a câmera e o microfone, buscar ângulos mais interessantes, fazer imagens legais, conseguir levar o microfone o mais próximo do entrevistado e quase sempre sem o tripé para auxiliar dá nisso, um cara todo torto. 
Antes era apenas uma constatação levada meio que sem importância, mas chega uma dor aqui, outra lá. A coluna reclama de um lado, os ombros de outro e tudo começa a parecer enferrujado. Por isso, antes tarde do que nunca lá vou eu para minha primeira sessão de RPG na Clínica Fluyr Saudável.

segunda-feira, 2 de julho de 2012

DOMINÓ, ARTE E CRIATIVIDADE

Como tem gente nesse mundo que consegue fazer coisas bacanas. Esse cara reproduziu a obra de Van Gogh "A Noite Estrelada" utilizando 7 mil peças de dominó.
Sabe aquilo que adoramos fazer enfileirando as pedrinhas e depois dando um empurrão para que elas caiam derrubando todas na sequência. Ele fez isso. Adoro ver esses vídeos com essas maluquices com dominós, tem uns muito loucos. Esse não é tão grande assim, levou 11 horas para ser montado, porém a reprodução da obra ficou bem legal.
O trabalho que fazer isso dá é algo incomum. Além de paciência, senso de espaço, conhecimento da obra reproduzida e um pouco de sorte, a pessoa tem que ter muito tempo disponível, um lugar interessante para fazer e claro gravar tudo porque não teria a menor graça fazer pra ninguém ver.
Abaixo você confere o resultado do trabalho e também um outro vídeo da mesma pessoa, que também fez a "Mona Lisa"   .

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO