terça-feira, 30 de dezembro de 2014

LÁ VEM 2015

O ano que está se encerrando não foi ruim para mim. Em muitos aspectos foi bem interessante, mostrou coisas diferentes, opções não pensadas antes e uma evolução gradual de muitas coisas na minha vida. 
É o que espero sempre: evoluir. Nesse sentido não posso mesmo reclamar. Problemas sempre vão existir, aconteceram em todos os anos anteriores e irão acontecer nos próximos, faz parte da vida. Basta saber o que tiramos dos problemas, lições e coisas positivas ou sofrimento? Prefiro ficar com as primeiras opções.
Enfim, de qualquer forma, espero muito de 2015. Sinto que será um ano especial, um ano de grandes passos e pretendo dar com segurança e sabedoria.
A produtora (Amistie) está bem estruturada para dar novos passos, os projetos estão em andamento e isso me empolga bastante. 
Agora quero falar um pouco sobre este espaço que ficou um tanto quanto abandonado neste último ano. As coisas vão evoluindo, se transformando, se adaptando e esse foi um ano onde precisei me adaptar quanto ao Mural. Fiz alguns testes silenciosos, tentei algumas coisas que não deram certo, outras se mostraram positivas e agora em 2015 vou intensificar o que acho que pode ser um bom caminho.
Por causa das redes sociais e da sedenta vontade de ter tudo o mais mastigado e instantâneo possível os blogs estão sofrendo transformações, não só o meu. O ato de "bloggar" ainda é prazeroso, importante e eficaz, porém é necessário repensar algumas coisas. Fiz isso e acho que no ano que começa já já vou poder ser mais presente e mais efetivo com as postagens.
Por incrível que parece, mesmo em um ano onde escrevi pouco, os leitores que conquistei me cobram, acessam e querem conteúdo, o que me deixa muito feliz!
Então a certeza que tenho de 2015 é que será um ano intenso, de muito trabalho e de muitas realizações. 
Que 2015 traga novas energias, boas vibrações e força para que a gente dê conta de fazer tudo o que surge na nossa cabeça!!
Feliz ano novo!!!

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

BOAS FESTAS!!!

Semana que vem vou escrever um texto falando mais sobre o ano de 2014 e também revelando algumas novidades para o ano que vai se iniciar.

De qualquer forma não poderia deixar de passar aqui antes do Natal e desejar ótimas festas.

Aproveito a mensagem de Natal que produzimos para a Amistie Produções e agradecer você que se mantém fiel aos posts do blog, mesmo eles terem ficado bem raros neste ano de 2014. Se preparem para 2015 que muita coisa legal vem por aí.

Veja a mensagem no vídeo abaixo!

Um forte abraço e Feliz Natal!!

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

BARBA, CABELO E BIGODE

Independente de modismos sempre considerei o assunto barba. Por inúmeras vezes pensei deixar, por outras desisti e assim fui empurrando até chegar o presente momento. 
Na verdade é tudo muito complexo, o trio "barba, cabelo e bigode" nunca figurou em conjunto. Quando tinha bastante cabelo minha barba era rala e bem falhada, hoje que tenho menos cabelo a barba vem com tudo,
Enfim, estou escrevendo porque deixei a barba crescer. Pode parecer algo banal, corriqueiro para muitos, mas ao olhar no espelho faz uma baita diferença. Digo também que os reflexos vão além do espelho, mexe com autoestima, com personalidade, com percepção...
As duas primeiras semanas são as piores porque a barba não cresceu o suficiente pra dar um formato e dá uma impressão de que você esqueceu de fazer por desleixo. Apenas em uma oportunidade no passado deixei a barba por mais de duas semanas. 
Foi durante um período de férias e fiquei 1 mês longe da TV. Sim, a TV também era um motivo para não deixar a barba crescer. Repórter de rua (até então) tinha que ter o rosto limpo, sem barba e bigode. Nas férias deixei a barba e até que curti, mas logo voltei e tirei a barba. 
Ainda me estranho um pouco. Falta de costuma, mas creio que aos poucos, além de acostumar, vou conseguir incorporar a barba na personalidade. 
Fico feliz com a repercussão. muita gente comentou comigo e disse que ficou bom. Esse tipo de interação é fundamental e sendo verdadeiros os comentários ajudam a manter os pêlos no rosto.
Com relação ao cabelo continuo fazendo sessões de carboxiterapia lá na Fluyr Saudável. Tem nascido muito mais cabelo nas regiões onde estava ralo. Tem dado muito certo e estou curtindo o resultado!



sábado, 29 de novembro de 2014

FOI SEM QUERER QUERENDO

A vida é assim, não adianta reclamar, chorar, esbravejar. Sabemos que sempre há um ponto final, para alguns uma vírgula, para outros uma reticência, mas sempre uma pontuação. 
Sabemos que esse momento vai chegar mas mesmo assim nós ficamos meio que anestesiados com certas notícias. Roberto Gomes Bolaños morreu, mas deixou uma herança incalculável para nós: seus personagens.
Acho que o Chaves e Chapolin principalmente se misturam com a história da maioria de nós. Seja dos mais velhos, do pessoal da década de 80 ou os mais novos. Meu pai se diverte com o Chaves, eu sempre dou altas gargalhadas nos episódios e meu sobrinho, de 5 anos para toda vez diante da TV para ver as aventuras do menino que vive no barril. 
É claro que é triste, mas certamente Bolaños é um daqueles gênios que merecem ser exaltados. Ídolo em centenas de países, aqui no Brasil é fenômeno durante décadas na tela do SBT. A TV de Silvio Santos se confunde com a história dessa série. 
Não poderia deixar de escrever aqui algumas palavras sobre a morte do Bolaños. Abaixo algumas fotos numa réplica da vila do Chaves montada pelo SBT alguns anos atrás para um especial de final de ano.








terça-feira, 25 de novembro de 2014

A JOAOKLEBERIZAÇÃO DOS POSTS NO FACEBOOK

Para para para para... 

Você não pode deixar de ler esse texto porque no final vou fazer uma revelação importante. Você vai ver um vídeo polêmico. Não vai acreditar no que aconteceu. 

Sei que isso parece o roteiro dos programas do João Kleber, na verdade pode ser também, mas as frases acima e muitas outras mais são títulos de posts no facebook. Sempre acompanhados de uma foto que você não consegue identificar direito ou um player de um vídeo.

Nós somos curiosos, queremos sempre saber da desgraça, da bomba, do flagra, do que é de arrepiar e vai nos deixar incrédulos. Faz parte de nós humanos, eu, você e sua vizinha também. Claro que uns mais, outros menos, mas sempre há aquela dose dentro de nós.

Porém tudo que é em excesso irrita, causa desconfiança e pode fazer o efeito contrário. Nem vou citar aqui o caso do próprio João Kleber que tem diariamente muitos segredos para revelar, coisas inacreditáveis no teste de fidelidade e por aí vai. Recurso pra lá de manjado pra prender você diante da TV e no final vem aquele balde de água fria sempre com algo bobo e que faz você ter raiva de ter perdido tempo diante da TV.

O Facebook também está virando um mar de pegadinhas. Pegadinhas perigosas diga-se de passagem, pois muitas vezes essas chamadas espetaculares levam você a um site falso e que pode te trazer um bom e belo virus de surpresa. 

A cada dia que passa surgem mais "Aluno filma professora escondida", "O que um homem bêbado fez com essa mulher", "Lembra de fulano de tal, veja como ele está agora". Toda vez que vejo esses posts leio mentalmente com a voz do João kleber. O pior é que esse tipo de coisa está migrando desses sites duvidosos e está começando a afetar sites de notícias e empresas que querem divulgar seus conteúdos. 

No começo do texto eu disse que tinha uma revelação agora no final. Mentira, era só pra você ler tudo. 

terça-feira, 18 de novembro de 2014

PERDIDO ATRÁS DO RATO

O que um ratinho branco, rápido, esperto e temperamental pode fazer com o seu dia? 
Bom, ainda bem que o rato a que me refiro não é um camundongo tradicional, que se esfregas pelas frestas, fuça no lixo e causa asco em muita gente. 
Mesmo assim, não sendo o habitual rato que conhecemos, o meu mouse, sim o do computador, me deu um baile danado durante todo o dia.
Tenho aqui, antes de reclamar, fazer um mea culpa e admitir que faz mais de 3 anos e meio que não sei o que é ter problema com um computador. Aqui é um testemunho sem qualquer propaganda, mas já fazendo uma: depois que comprei um Imac minha vida mudou.
Nesses mais de 3 anos nunca tive um problema, até ontem quando o mouse resolveu aprontar. Fruto do desgaste natural, de muitos cliques, a função de clicar não era mais possível. Todo o problema foi dignosticar isso. Na noite anterior ele funcionou normalmente, até que no dia seguinte nada. Troca pilha e nada, mexe, bate, assopra, faz de tudo e nada. 
Depois de consultar um aqui, ir na loja ali a solução foi comprar um novo. Aquela dor no peito de gastar com isso, mas se faz necessário. Eu caí na ratoeira, mas não posso reclamar. Antes dessa troca, quando tinha PC acho que trocava de mouse quase que semestralmente... 

domingo, 16 de novembro de 2014

DOCUMENTÁRIO: O ÚLTIMO DESEJO DE AYRTON

Durante a Copa do Mundo, mais precisamente no dia do jogo da seleção brasileira contra o México fizemos uma gravação muito legal.
No dia anterior fomos indicados por uma amiga para um jornalista da Croácia que estava no Brasil e precisava de uma equipe para gravar uma entrevista para um documentário que ele estava realizando.
Depois do contato feito, de acertarmos detalhes, entendermos o que ele precisava combinamos tudo para o dia  seguinte.
Encontrei o jornalista Ivan Ril em frente ao prédio do Instituto Ayrton Senna. A entrevista seria com a sobrinha de Ayrton Senna, Bianca Senna. Foi uma gravação muito interessante, além da entrevista conhecemos todo o Instituto, foi uma experiência muito emocionante também.
O material foi para a Croácia e foi exibido recentemente em uma emissora de TV de lá. Recbi o link com legendas em português e aproveito para dividir com vocês mais esse trabalho que teve participação nossa da Amistie Produções.

terça-feira, 11 de novembro de 2014

SALÃO DO AUTOMÓVEL 2014 - VIDEORREPORTAGEM

Na semana passada consegui uma brecha na agenda para gravar lá no Salão do Automóvel aqui para o blog. Achei o evento um pouco fraco comparado a outras edições, mas mesmo assim sempre tem coisas bem legais para ver. 
Gosto de gravar em eventos assim, sempre tem imagens ótimas, pessoas legais, mulheres bonitas, costuma render bastante, apesar de ser bem cansativo para produzir tudo.
Abaixo você confere a videorreportagem que realizei lá!

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

TELETON 2014

Hoje a noite começa mais uma maratona televisiva em prol dos pacientes da AACD. O Teleton deste ano tem como meta arrecadar 26 milhões de reais. 
Vale a pena doar e colaborar com essa causa. Sempre tive ligação com o Teleton. Nos primeiros anos cheguei a colaborar com reportagens e mais recentemente gravei bastidores e participei de ações ligadas a AACD. 
Estava tudo certo para minha participação neste ano, mas infelizmente por alguns problemas de agenda não vou poder comparecer. Aquelas coisas que acontecem de última hora. De qualquer forma fica aqui minha torcida para que tudo transcorra bem e que os colegas que se empenham tanto no palco como nos bastidores consigam emocionar e mostrar para quem assistir a importância da doação. 
Fico triste de não estar lá no SBT este ano, é sempre um momento bem gostoso porque além de ajudar é uma época do ano que reencontro sempre grandes amigos. 
Ligue, doe porque a causa é nobre e realmente as coisas acontecem. Fui inúmeras vezes na AACD conferir as realizações!!!
Abaixo as formas como você pode ajudar! #somostodosteleton




domingo, 26 de outubro de 2014

OS PRÓXIMOS 4 ANOS

Decidido o futuro do país para os próximos 4 anos. Não vou entrar aqui no mérito da questão desse ou daquele candidato. Todo mundo tem seu ponto de vista e tem sua vivência de como o governo influencia na sua própria vida.

Não acredito em demônios consolidados e nem em anjos e suas auréolas. Todos os partidos e candidatos tem suas vantagens e pontos positivos e também tem suas mãos sujas. Isso é um problema maior e que não vejo ser discutido: nosso sistema político. Uma reforma é mais do que necessária e espero que aconteça, apesar de achar difícil e isso não é porque a Dilma foi reeleita, seria assim também com Aécio.

Acho que acima de tudo, essa divisão quase que no meio entra partidos deveria ser colocada de lado. O importante agora é apoiar ideias boas que possam vir do governo eleito e principalmente olhos atentos para que erros, coisas ruins e corrupção.

Temos que fiscalizar, cobrar, e fazer com que esse governo faça aquilo que se espera dele. Temos que ser oposição e temos que ser situação. Apoiar o que é bom e protestar contra o que é ruim.
Independente se você votou em A ou em B agora não é hora de rachar o país e sim de unir forças para o que foi posto como oficial caminhe e traga coisas boas.

Eu espero mesmo, de coração, que o clima quase bélico formado nas redes sociais, nas ruas não seja levado adiante. Que todos tenham a ciência de que temos que caminhar juntos.

Agora nos resta torcer para que esse segundo governo Dilma seja melhor do que o primeiro, que a corrupção seja menor e que o país avance para o bem de todos... é o que eu espero e vou torcer para isso, sendo esse ou não o meu voto.

terça-feira, 21 de outubro de 2014

32

Completo 32 anos hoje. Aniversário é sempre um momento especial, uma data que gosto muito. Gosto dessa época do ano, gosto do mês de outubro, gosto do dia 21, gosto de ser libriano, da idade que estou completando etc etc...

Tudo me parece muito bom e acho que esse será um ano ainda melhor do que está se completando pra mim. Estou numa fase profissional muito legal com a produtora caminhando bem e conquistando cada vez mais espaço, estou feliz com os amigos que tenho e estou confiante que agora eu esteja mais aberto para dar mais abertura pra minha vida pessoal. 

Quero viajar mais (aliás só até o final do ano estou programando duas viagens) e quero curtir mais a vida. Claro que sempre muito antenado ao meu universo, que além de ser um vício é uma grande alegria que tenho. 

Nos últimos meses venho postando no instagram algumas fotos de momentos interessantes, principalmente da minha carreira. Como a data hoje remete ao nascimento, quero postar no final do texto a foto do meu nascimento profissional. A primeira vez com o microfone, a primeira vez comandando uma entrevista, a primeira vez no estúdio, diante das câmeras. Foi em 2000. 

Era estagiário na TV Uniban no CNU. Havia um programa chamado Grandes nomes do século XX e estávamos encerrando a série devido a mudança de século. Uma das últimas entrevistadas foi a atriz Lolita Rodrigues, famosa por ter cantado o hino da TV quando foi inaugurada em 1950 nos estúdios da Tupi no Sumaré. 

Eu, estagiário da TV e aluno do primeiro ano de jornalismo, estava fazendo um trabalho sobre telenovela. Quando vi a pauta na TV logo pensei que poderia conseguir alguma coisa para esse trabalho. Conversei com a Fabíola de Souza que era a produtora executiva da TV e ela disse que se a Lolita topasse eu poderia fazer algo. Meus plano era pegar o famoso bloquinho de papel e anotar algumas declarações dela. 

Engano meu. A Fabíola logo mobilizou a equipe, câmera, assistente, o estúdio e disse que eu ia fazer uma entrevista gravada. Gelei na hora. 

A gravação pra TV com a Lolita encerrou e a Fabíola correu no estúdio me puxando pelo braço. Falamos com a Lolita, ela topou e foi só o tempo de ajeitar a iluminação e me vi sentado diante dela, com um microfone na mão e toda equipe me olhando. 

Respirei fundo, olhei para a câmera e de improviso fiz uma abertura e comecei a entrevista que durou cerca de 10 minutos. No final do papo, muito gentilmente a atriz virou pra mim, me elogiou e disse que eu certamente daria certo. Não esqueço nunca disso. Foi ali que nasci para aquilo que tanto amo fazer. 

Nesse dia que completo mais um aniversário fico feliz de poder olhar pra trás e ver tantas coisas que já realizei, tantas pessoas que já conheci e que tudo isso foi muito importante para meu crescimento como profissional e como pessoa. Que venham mais e mais experiências!!!

Tinha 17 anos, cabelo e quilos a menos...

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

MAQUIAGEM

Não sei se já expressei aqui esse meu pensamento, creio que não, ando muito afastado dos textos mais sentimentais ou coisas do tipo (devo voltar). 

Acho sexy mulher que se maquia no metrô. Na verdade acho sexy todo o ritual de uma mulher se maquiando, independente do lugar. Citei o metrô primeiramente porque toda inspiração veio daí, mas isso serve para qualquer lugar.

Estava indo para uma gravação ontem na hora do almoço. Metrô estava tranquilo, aproveitei um lugar vazio pra sentar e tirar um pouco o peso da mochila extremamente pesada. Quase que simultaneamente uma menina bonita, devia ter uns 24 anos, bem vestida, com roupas leves por causa do calor sentou bem na minha frente. Admirei a beleza dela por uma fração de segundos e logo me voltei aos meus pensamentos sobre o que iria fazer na gravação. 

Segundos depois, antes mesmo de chegar a próxima estação ela sacou da bolsa uma outra bolsa menor. Dela tirou um espelho e um lápis para os olhos (não me peçam que acerte o nome dos itens de maquiagem feminina). Muito concentrada começou a passar o lápis na parte de baixo dos olhos (confesso que essa parte me dá um certo desespero, principalmente dentro de algo que se mexe, qualquer freada mais brusca tenho a impressão de que ela vai enfiar aquele lápis no olho).

Assim que ela sacou seus primeiros instrumentos de beleza minha atenção foi novamente direcionada para ela. Como se o metrô inteiro tivesse silenciado, as pessoas entrado em slow motion e apenas ela se movimentava com delicadeza e ao mesmo tempo precisão. 

Como hipnose fiquei lá com os olhos grudados nela. O ritual continuou, depois do lápis passou um pó no rosto, espalhou, depois mais um creme e assim foi fazendo. De tempos em tempos ela desviava ligeiramente o olhar, que inevitavelmente encontrava com o meu. Eu disfarcei, tímido que sou e tentei voltar aos meus pensamentos. 

Fui fisgado novamente pelo batom. Ela puxou, abriu, olhou para o batom, para o espelho, encontrou meu olhar, voltou para o espelho e passou. Os lábios dela não eram assim tão carnudos, era uma boca pequena, mas bem desenhada. 

Meu celular vibrou, me distraí por alguns segundos. Quando voltei o olhar ela já estava pronta. Agora só o espelho na mão para ver se estava tudo certo. Passou a mão pelo cabelo e pronto. 

Novamente ela olha. Dá um leve sorriso com o canto da boca, como se soubesse da hipnose que estava exercendo. O sinal me dá o alerta que tenho que descer. Levanto, coloco a pesada mochila nas costas, olho novamente com um certo levantar de sobrancelha para agradecer. Ela olhou tímida, sorriu levemente com o canto de boca. 

Desço e penso o quanto ficaria linda uma foto dela. 

terça-feira, 14 de outubro de 2014

HISTÓRIAS DE SUPERAÇÃO

Vou condensar em um post dois assuntos que estão intimamente ligados e também ligados ao post passado sobre o Outubro Rosa. 
Como escrevi anteriormente, nós da Amistie Produções estamos realizando algumas ações voluntárias durante esse m6es para ajudar na conscientização das mulheres com relação a importância dos exames para detecção precoce do câncer de mama. 
No post anterior você (clique aqui) você viu algumas fotos de uma sessão que realizamos com várias mulheres que enfrentaram ou ainda enfrentam a doença. Foi uma tarde linda, muito emocionante e que rendeu cliques muito legais que estão sendo divulgados diariamente no grupo Amigas do peito no facebook. 
Hoje vou divulgar dois vídeos bem legais que gravamos. O primeiro é um depoimento para o Personas, nosso site de webdocs, com a Nátali de Araujo. Uma mulher que venceu o câncer de mama e hoje se dedica a ajudar outras pessoas. Uma história muito bonita. Vídeo no final do post.
O outro vídeo (também abaixo) trata-se de uma parceria muito legal com o grupo Amigas do peito e com o Corinthians. Uma ação super legal que vai levar paras as redes sociais do clube e também para o telão do estádio 4 depoimentos bem legais de torcedoras que enfrentam com muita energia a doença. Independente do time que você torça vale a pena compartilhar essa história.
Na verdade vale a pena compartilhar esses dois vídeos. A causa é super nobre e merece ser levada para o maior número de pessoas possível. 
Assista os vídeos abaixo.



sexta-feira, 3 de outubro de 2014

OUTUBRO ROSA

Todo mês de outubro a cor rosa ganha destaque para ajudar na divulgação e conscientização sobre o câncer de mama. O Outubro Rosa é um momento importante para que as mulheres percebam a necessidade dos exames e de que se a doença for diagnosticada com rapidez, as chances de cura são enormes. 

Por meio de uma amiga que passou pelo problema fui colocado em contato com o grupo Amigas do Peito. Elas precisavam de uma ajuda para dar ainda mais visibilidade a essa causa. Eu e minha sócia Milla Linhares colocamos a nossa produtora, a Amistie Produções, a disposição para algumas ações. 

Todos os dias de outubro, no grupo Amigas do Peito no facebook, você pode acompanhar uma história de superação. As fotos dessas mulheres foram feitas por nós num dia super alegre e agradável no Parque Villa Lobos. 

Além disso outras ações devem ocorrer. Um vídeo será gravado com depoimento de algumas mulheres e estamos preparando um Personas super especial para este mês. 

Acompanhem nossas redes sociais para ficarem interados das novidades. Clique para acessar: Instagram e Facebook.






segunda-feira, 22 de setembro de 2014

O CORRETOR AUTOMÁTICO

Escreve, apaga, escreve apaga, corrige, não era isso que eu queria escrever... ENVIAR.

Rotina comum de quem usa muito o smartphone e os aplicativos de comunicação como whatsapp, messenger entre outros.

Quem nunca errou que envie o primeiro SMS. Eu sou uma vítima do corretor e as coisas malucas que ele acha que eu quero escrever. As pessoas mais próximas de mim sabem o quanto eu sou vítima da minha rapidez em querer responder e isso invariavelmente faz com que o corretor tente ser mais rápido que eu e já mandei cada coisa absurda. 

Tem correções que já até estamos acostumados, fica subentendido o que queríamos escrever. Mas tem outras constrangedoras. 

O problema nem sempre é a correção da palavra, mas sim a "adivinhação" do app para tentar te poupar tempo. Ele sugere uma palavra assim que você começa a escrever. Nem sempre é a palavra que você está pensando.

Mesmo com uma gafe aqui e outra acolá, risadas quase que diárias e sempre uma nova situação pra contar, o corretor facilita muito o trabalho quando você precisa escrever rápido. 

Pela web encontramos vários prints de conversas onde o corretor gerou alguma confusão. Abaixo alguns exemplos!!





quinta-feira, 11 de setembro de 2014

NÓS NÃO EVOLUÍMOS

Assim que me conectei hoje cedo me deparei com a foto de um amigo jornalista na cobertura dos ataques ao World Trade Center nos EUA. Imediatamente me lembrei que hoje é um 11 de setembro e que depois daquele dia fatídico de 2001 é impossível não se recordar dessa data.
Já relatei aqui certa vez como o choque dos aviões com as torres me impactou. Resumindo, estava na faculdade de jornalismo, meu segundo ano. Já trabalhava em televisão. Nesse dia houve uma prova e sai mais cedo. Ao chegar em casa ligo a TV e o plantão da Globo informava de forma ainda sem muita informação o que acontecia.
Muito se falou, muito se debateu, muito se discutiu... Mas depois de tantos anos o que mudou? Evoluímos com a dor e sofrimento? Aprendemos a tolerar o próximo? Acho que a resposta é evidente.
Sinto que ao invés de aprendermos com os erros só estamos piorando. Exemplos aqui não faltam de intolerância, de ignorância e de que vivemos numa panela de pressão e que muitos 11/09 ainda devem acontecer - infelizmente.

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

A CEGUEIRA ELEITORAL E A IMBECILIDADE HUMANA

(Suspiro alto). Vamos lá. Ontem a Band promoveu o primeiro debate eleitoral com os candidatos ao cargo máximo da política nacional. Lá estavam todos os concorrentes munidos das estatísticas, criticas, elogios e esperançosos em angariar votos. 

Debate em curso e então vem aquela coisa que nunca entendi: quem ganhou o debate? Todos ganharam, porque se você olhar para as pessoas os que são seguidores do A dizem que foi o A, do B dizem que foi o B e assim com todos os seus correligionários e eleitores fieis. 

Eu até entendo a torcida por esse ou por aquele, mas há um certo momento onde ser eleitor não deveria anular o fato de ser um crítico daquele para quem destinamos nosso voto. Aliás, pelo contrário, aquele em quem votamos deve ser o mais criticado e observado por nós (mas sabemos que não acontece). Não é raro quem não lembre em qual vereador, deputado e até presidente votou nas últimas eleições. 

Esse devotismo burro em A, B ou C faz com que a política vire uma arena esportiva e independente daquele que você apóie faça o importante é derrotar o outro. Isso implica em ignorância pura quando se coloca em debate projetos concretos para que o país caminhe em direção ao desenvolvimento. 

Todos tem seus pontos positivos e negativos, todos tem algo que desabone e algo que possa ser aplaudido. No momento em que partidos políticos viram religião e só onde você está é bom e certo o único caminho que vamos seguir é um país que vive dando dois passos pra frente, um para trás. 

Não precisa ir longe pra ver o quanto é difícil discutir política, dê uma olhadinha no facebook ou twitter. No momento que você propõe o debate, os fieis seguidores se armam com todas as forças para defender cegamente aquele que simpatiza, ao invés de abrir a cabeça e assimilar coisas boas e ruins de todos os lados e assim poder ampliar as ideias e propor novas sugestões para o andamento das coisas.
O pior é que não consigo ver luz no fim do túnel quanto a isso...

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

UM SORVETE PARA REFRESCAR

Olha, ainda estou tomando fôlego pra poder escrever sobre política. Tenho muitas coisas passando pela cabeça, tem muita coisa acontecendo e acho que preciso desabafar e aproveitar o espaço que tenho aqui para debater sobre determinadas coisas. 

Por isso mesmo preciso me alimentar o máximo possível de paciência porque infelizmente as pessoas andam muito radicais. Não há debates, há ataques. Não há troca de ideias, há ofensas e tal. Tenho visto no facebook tanta coisa que me deixa muito entristecido.

Nada melhor para relaxar do que um sorvete gostoso e diferente. Por isso, enquanto vou aqui me municiando de calma para escrever, aproveito para ir divulgando trabalhos interessantes que tenho realizado pela produtora, a Amistie Produções, e que vale a pena ser compartilhado por aqui. 

É ai que entra o sorvete. Recentemente gravamos para o Personas uma entrevista com a Márcia Garbin, ela é especialista em sorvetes, premiada internacionalmente com suas criações e que falou sobre sua experiência na arte de criar os saborosos gelatos.

Tive oportunidade de provar dois sabores e posso dizer que são saborosos e refrescantes, além de exóticos nas suas combinações. 
Abaixo o vídeo com a entrevista.

terça-feira, 12 de agosto de 2014

TIGRE, MINHOCÃO E TUBARÃO...

Já que o mundo animal anda em destaque recentemente aproveitei 3 exemplos deles para poder atualizar o blog a escrever sobre as coisas que estão acontecendo.

Vou começar pela minhoca. É bem verdade que nada recentemente aconteceu relacionado ao bicho, mas sim ao enorme erro que se planta na cidade de São Paulo e que agora será definitivamente aposentado, o Minhocão.

Para quem não é daqui da cidade fica difícil explicar. A obra tem quase 3 km de extensão e é uma verdadeira cicatriz na cidade. Deteriorou a região, fez com que centenas de imóveis na área perdessem valor, moradores e beleza. São inúmeros os problemas.

Agora ele será desativado. Existem muitas propostas para o que fazer com aquele monstro. Duas são bem plausíveis: demolir ou transformar em um parque. Em breve vou me dedicar a escrever mais profundamente sobre...

Saindo da minhoca vou para o tubarão. Estive em Recife na última semana para gravar um congresso. Trabalho da produtora e que rendeu nas horas vagas um tempinho na praia. Estávamos na frente da praia de Boa Viagem. Linda, pouca gente no dia, sol maravilhoso e tubarões. Praticamente só molhamos os pés, mesmo assim com muito medo.

Me falaram quando contei: "ah, mas não tem problema, é raro acontecer um problema". Os problemas e acidentes acontecem justamente por pensarem assim...

Haja visto o que aconteceu com o terceiro animal do post, o tigre. A notícia já tá batida, debatida e palpitada por todo mundo. Como é possível algo desse tipo acontecer. A criança perde um braço pelo ataque do tigre no zoo.

Coisas que acontecem e poderiam ser facilmente evitadas...

quinta-feira, 31 de julho de 2014

A PRIMEIRA FATIA DO PÃO DE FORMA

Quando se tem criança pequena em casa, no meu caso um sobrinho de 5 anos, vamos ficando mais familiarizados com a programação infantil do que com qualquer outra. 

Galinha Pintadinha, Patati Patata, Peppa e uma infinidade de outros programas como Gabby Estrela, Tem criança na cozinha etc etc etc. A lista é quase infinita. Conforme eles vão crescendo vamos também acompanhando a mudança de gostos pelos desenhos e programas. 

Eu sempre gostei de desenho animado e vez por outra me vejo assistindo clássicos como Caverna do Dragão, Popeye, Papaléguas entre outros. Coloco nessa conta o sempre clássico Chaves, que não é desenho mas faz parte.

Toda essa gigantesca introdução é pra falar que existem coisas novas bem legais sendo produzidas. Uma delas brasileira. "Osmar, a primeira fatia do pão de forma". Uma ideia muito legal, com argumento ótimo, personagens divertidos e que prende a atenção, tanto minha quanto do meu sobrinho. 

O desenho passa no Gloob e é uma ótima opção de distração. 

quarta-feira, 23 de julho de 2014

VOLUME MORTO

Essa coisa que o tempo está passando rápido demais já é mais do que batido, porém, além dessa sensação de tempo pra lá de fugaz o que tem me deixado espantado e a velocidade com que as coisas chegam e vão embora.

O prazo de validade é quase zero. Tudo é tão instantâneo que vou me afogando no mar de informação que chega. Isso me deixa angustiado, agoniado e paralisado. Tão paralisado que não dou conta de atualizar esse blog. Quando penso em escrever sobre algo esse algo já não tem mais importância, já passou, já era, virou noticia velha. 
Mal entendemos o que aconteceu com o avião que foi abatido e somos soterrados por destroços de outro que caiu hoje. Morre um grande nome da literatura e em seguida outros dois morrem e deixam aquela sensação de vazio.

É muita informação pra pouca capacidade de processamento. Não adianta fazer upgrade de memória, de comprar mais hd, sempre vai ser pouco, nunca é o bastante.

O comportamento de todos nós mudou e as coisas são mais instantâneas do que o miojo. Vivemos só de machetes, não nos interessamos mais pelo conteúdo todo. Julgamos por uma frase, por uma imagem, por uns poucos segundos. Muitas vezes isso desanima. Desanima em escrever, em gravar, em tentar aprofundar.

Esse texto mesmo, certeza que dos muito que curtiram nem a metade abriu o link. Não culpo ninguém, mas também não absolvo. Não me coloco fora desse bolo, também sou um pouco assim.

As vezes me sinto operando no volume morto das informações. Consumindo aquela parte que não é tão boa para o consumo e que precisaria de muitas filtragens para se tornar potável.

Os meus reservatórios, antes cheios de ideias, parecem que vão secando com essa velocidade desenfreada. A minha esperança é a chuva. chuva de novas ideias, de novos acontecimentos e de uma solução milagrosa para colocar um slow no mundo para que a gente possa acompanhar ele. 

domingo, 13 de julho de 2014

A COPA DO MUNDO

Foto: Folhapress
Acabou a Copa do Mundo. Que sensacional foi esse mundial aqui no Brasil. Um evento visto pelo mundo inteiro e que sagrou a seleção da Alemanha como vencedora.

Ganhou aquele time que não tinha um jogador fora de série, mas tinha um time muito bem treinado, comprometido e que o coletivo tinha mais importância do que o individual.

Acrescente a isso um projeto de muitos anos e uma consciência de que para vencer é preciso investir, ter paciência e humildade. Construíram o próprio centro de treinamento por aqui, se divertiram, interagiram, fizeram boas ações, cativaram as pessoas e foram cativados por cada lugar que passaram. No final o coroação de um trabalho sensacional.

Quanto ao nosso futebol é momento de reconstruir e usar os campeões como exemplo. Muita coisa tem que mudar, principalmente nas estruturas e comando do nosso esporte. Vamos ver se essa sacudida que tomamos serve para isso.

Já a Copa como um todo mostrou que fizemos um bom trabalho, mesmo com as muitas ressalvas internas que precisam ainda sim serem discutidas, observadas, cobradas e melhoradas. O evento deu certo, as coisas correram bem, mas muita coisa ficou no improviso, na boa vontade ou só na promessa.

O que posso dizer é que essa Copa foi incrível. Golaços, jogos sensacionais, grandes surpresas, zebras, alegrias e tristezas, imagens incríveis, pessoas felizes... Não tem como não concordar que essa foi a Copa das Copas!

quarta-feira, 9 de julho de 2014

AS DERROTAS DA VIDA

Perder e ganhar faz parte do jogo. Faz parte da vida. Não podemos ganhar tudo que queremos porque assim haveria uma pane no mundo. Todo mundo quer ganhar, mas para haver um vencedor é necessário um perdedor (na maioria dos casos).

Perder é chato, ruim, angustiante? É. 

Dá raiva, nos deixa tristes, irritados? Deixa. 

Mas faz parte e é sempre uma oportunidade de seguir em frente e evoluir. Lembro de inúmeras derrotas pessoais, coisas que tentei e não deram certo, projetos que não saíram do papel, amores que se foram ou muitas vezes nem chegaram... Perder é uma constante, assim como ganhar. 

Ao mesmo tempo que muitas dessas coisas não deram certo, outras tantas deram, me fizeram feliz, me fizeram vibrar, me emocionar, apaixonar, viver momentos interessantes e únicos. 

Assim vamos caminhando. Aprendi muito com várias derrotas. Elas me fizeram amadurecer como homem, como profissional... Aprendi também com as vitórias, mas elas são perigosas também, porque muitas vezes elas nos cegam e escondem algumas falhas, pontos que podem ser melhorados. 

Ontem a seleção brasileira teve uma grande derrota, creio que a pior. Foi horrível, doloroso e cruel da forma que aconteceu. Por todo clima, por todo entorno, pelas condições colocadas, pelo evento ser aqui... Algumas vitórias acabaram cegando a realidade desse time que é muito limitado perto de Alemanha, Holanda e até outros que já foram eliminados. 

Chegamos até onde a limitação nos deixava. Poderíamos ter ido para final? Sim. Até ganhado. Mas não fomos capazes de aprender e de ver que não éramos os melhores e precisávamos melhorar. 

Agora essa derrota é a oportunidade de chacoalhar o futebol brasileiro. A Alemanha pode ter feito um grande favor para o Brasil. 

Outra coisa: a revolta emocional é compreensivel, eu também fiquei puto da vida. Porém partir para a ignorância, destruir as coisas, queimar ônibus, agredir as pessoas é a derrota mais humilhante do que levar de 7. 

segunda-feira, 23 de junho de 2014

PERSONAS 2 ANOS

Oficialmente o Projeto Personas completa 2 anos hoje. Essa foi a data que colocamos o site no ar e publicamos os primeiros vídeos. Antes disso, messes antes, eu e minha amiga e hoje também sócia Camilla de Castro, em conversas informais começávamos a desenvolver e vislumbrar um espaço onde poderíamos contas histórias de pessoas. 

Dois anos depois já contamos 36 histórias. Trinta e seis webdocumentários com uma diversidade muito interessante, rica e curiosa. De sereia a palhaço, de mágico a radialista, de bruxa a monja, enfim, cada história é especial para nós e cada nova descoberta, novo depoimento vamos nos enriquecendo.

Gravar o Personas é sempre um prazer. São momentos onde mergulhamos no universo de pessoas até então desconhecidas por nós e vivenciamos a realidade de cada uma delas. 

É muito bom perceber que 2 anos da primeira história já se passaram e muitos outros estão por vir. Abaixo deixo nossa última entrevista publicada. Essa semana teremos mais um depoimento publicado, essa é a melhor forma de comemorar. 

Muito obrigado a todos que prestigiam mais esse projeto aqui do Antena junto com minha amiga Camilla!! Quem ainda não conhece é só clicar aqui para mergulhar na história dessas pessoas. 


quinta-feira, 19 de junho de 2014

SUPER MÁQUINAS

Em meio a Copa do Mundo, entre um jogo e outro, uma espiada no placar daqui, uma torcida de lá, a vida não pode parar. Até por isso mesmo o blog voltou a ficar meio que em marcha lenta. 

São tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo que a gente nem sabe por onde começar, com o que evoluir e onde vamos parar. 

Nesse furacão de acontecimentos vou destacar duas gravações que fiz pela nossa produtora, a Amistie Produções que me deixaram completamente empolgado. 

Tem duas coisas que eu gosto muito: aviões e carros de corrida. Máquinas fantásticas que são exemplos de inovação, tecnologia, paixão, liberdade, velocidade... Já fiz diversos posts aqui falando sobre ou um ou outro. 

Primeiramente fomos fotografar para a Avianca um dos novos aviões adquiridos por eles e que começaram a operar. Trata-se de um A320. Avião moderno, encorpado, cheio de detalhes bem legais e muito confortável. Uma verdadeira jóia voadora. Fizemos fotos internas da aeronave e em breve serão divulgadas nas redes sociais da companhia aérea. 

Foi um prazer enorme poder conhecer detalhes, interagir com a tripulação e participar de mais um avanço da Avianca que é nossa cliente. 

Dias depois, mais precisamente no dia do jogo entre Brasil e México fomos contratados para fazer uma gravação para a TV da Croácia. Sim, isso mesmo, lá pra longe vai nosso material. Além desse detalhe, que é bem legal, o tema da gravação me ganhou logo de cara.

Uma entrevista com Bianca Senna para falar sobre o Instituto Ayrton Senna. Além do papo com a sobrinha de Ayrton, tive a oportunidade de conhecer o instituto e ver de perto objetos do piloto, troféus e a McLaren Mp4-5b, que levou o brasileiro a 10 poles, 6 vitórias e o título de 1990. 

Dias intensos, cheios de surpresas, copa do mundo rolando, conhecendo pessoas novas de vários lugares do mundo, produzindo coisas legais. Que tudo continue assim, rápido, bonito, interessante, desafiador, como as super máquinas com que tivemos contato esses dias!!!
Abaixo algumas fotos de bastidores...










segunda-feira, 9 de junho de 2014

VAI TER COPA

Claro que vai. Não poderia ser diferente. 

Estou ensaiando faz alguns dias para escrever sobre o assunto. Primeiro porque mesmo usando argumentos que creio serem fortes e também respeitando os que pensam contrariamente, uma turba de gente sem noção vai querer causar. Isso desanima um pouco e acho que por isso esse país não vai pra frente. 

As pessoas andam muito dualistas, oito ou oitenta, preto ou branco, PT ou PSDB, vai ter copa e não vai ter copa. Que merda anda esse mundo hein? Coisa chata e nada produtiva é isso. Ficamos empacados na primeira marcha. 

Estamos vivendo um mundo de embates ao invés de complementos. Seria tão bom se o debate fosse usado para o crescimento e não para o abatimento do oposto. Ser oposto não deveria significar ser inimigo. Aproveitando a Copa poderíamos tentar entender isso, ter fair play, como é o slogan da FIFA, para todos os assuntos e não só o futebol. 

Ok, já que entrei no assunto Copa vamos a ela. Desde que me conheço por gente vejo pessoas encantadas com nosso futebol, aguardando o momento que ocorre a cada 4 anos para torcer, celebrar, vibrar com a seleção e com os demais jogos. Eu sempre imaginava: "seria muito legal ver uma Copa aqui".

Quando o Brasil foi eleito para receber a copa fiquei feliz, não só pelo futebol, mas também pela ótima vitrine e possibilidade de crescimento que o país poderia ter. A Copa não ia salvar o país de nada, mas poderia ser um ponto fundamental de virada, de empolgação para tais mudanças. 

Na semana de abertura da Copa é óbvio constatar que isso não ocorreu. Não concordo com muitas coisas nessa copa, uma delas a quantidade de cidades que vão receber jogos e seus estádios sem função. 

Aeroportos feitos nas coxas, obras super faturadas, projetos sem muito estudo e utilidade, falta de objetividade e claro, muito dinheiro desviado. A culpa não é da Copa senhores... Os culpados por tudo isso sempre estiveram aqui fazendo essas mesmas coisas com tudo que pode ser feito. Maluf não é um advento da Copa, assim como mensalão, cartel do metrô de SP e muitos outros exemplos espalhados pelo país. 

O erro está em como queremos atacar esse problema. A Copa nos fez um grande bem. Ela deixou essas coisas ainda mais escancaradas e nos deu o gás para que se quisermos mesmo mudar esse país está na hora de tomar uma atitude. A atitude não é tirar a Copa. Vamos tirar quem não soube aproveitar bem a Copa (não estou falando de partidos porque todos eles não souberam aproveitar). 

Vamos mostrar para o mundo um país que pode faturar muito com turismo, que tem cidades belíssimas (mesmo com os problemas que estamos carecas de saber e nunca fizemos nada pra mudar) e que mesmo com os problemas que enfrentamos, somos um país digno e hospitaleiro.

Temos que protestar, não podemos aceitar tudo, mas ao mesmo tempo temos que saber o foco do problema. Por acaso alguém deixou de andar no minhocão porque foi o Maluf que fez? Vai deixar de usar o metrô porque o governo Alckmin fez uma festa com o dinheiro reformando trens velhos pelo preço maiores do que comprar trens novos? Vai deixar de usar algum novo terminal de aeroporto que não está terminado porque a Dilma prometeu e entregou pela metade? Se a lógica for essa concordo com você, no dia do jogo do Brasil vá trabalhar e não se aproveite da Copa. 

Caso contrário faça aquilo que me parece mais inteligente. Nas eleições não deixe que toda essa turma que não soube usar a Copa em favor do nosso país continuar fazendo tudo isso que ninguém concorda, mas incrivelmente está sempre lá (por nossa causa) fazendo. 

domingo, 1 de junho de 2014

SEMANA DE PALESTRAS

Não me canso de repetir que uma das coisas que mais gosto de fazer é trocar experiência com pessoas. É sempre uma oportunidade de crescimento e de novos desafios. Nesta última semana mais uma vez eu e minha sócia Milla Linhares estivemos na Faculdade Cásper Líbero para falar com os alunos da pós-graduação.

Um chamado do professor Pedro Ortiz que sempre atendemos prontamente. Toda vez que saio de uma dessas palestras, que na verdade não são palestras, são verdadeiros bate-papos sobre aquilo que a gente vem realizando. 

É muito interessante notar as mudanças profissionais, as dúvidas, os pensamentos de quem está numa posição de estudo. Encontramos pessoas que estão no mercado de trabalho, assim como nós, outras que procuram entrar ainda e aqueles que não são da área mas estão lá para entender mais esse mercado. Como nosso mercado se transforma rapidamente. Sempre fico impressionado. 

terça-feira agora vou participar de um novo encontro, desta vez com adolescentes que estão numa fase importante da vida, a escolha da profissão. Vou falar um pouco sobre o trabalho do jornalista e como é um pouco esse nosso mundo. Vai ser um desafio muito interessante!

domingo, 25 de maio de 2014

FORMAS DE FAZER O BEM


No meio de tantas notícias ruins e de absurdos que acompanhamos diariamente nos esquecemos de olhar para pessoas que fazem o bem, pessoas que nutrem a esperança e que são praticamente bolhas de oxigênio em meio a rios de sujeira.

Um dos objetivos que temos no Personas é justamente de colocar em evidência, deixar na vitrine pessoas que realizam trabalhos interessantes e que colaboram, de uma forma ou de outra, para a propagação de coisas boas.

Nossa, última entrevista foi com o Clerson Pacheco. Clerson é palhaço, isso mesmo, palhaço e se dedica a levar para hospitais sua arte para alegrar e dar esperança para pacientes e funcionários. Conheci o Clerson numa entrevista que participei na Rádio Tupi há mais de 1 ano. Agora deu certo e conseguimos acompanhar ele numa das visitas. 

Abaixo você confere o depoimento do Clerson para o Personas.

O Mural está aqui

Prêmios

Contadores

free counters

Visitantes

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO